Está vendo todos esses idiomas acima? Nós traduzimos os artigos do Global Voices para tornar a mídia cidadã acessível para várias partes do mundo.

Saiba mais sobre Tradução do projeto Língua  »

Caso Fabiane: mulher vítima de linchamento no Brasil, pode virar nome de lei

O caso da morte de Fabiane Maria de Jesus, dona de casa linchada no litoral de São Paulo, pode acabar ajudando na criação de uma nova lei no Brasil. 

Assim como a lei Maria da Penha, que protege mulheres vítimas de violência doméstica foi nomeada pela mulher que sofreu agressões do marido e terminou em uma cadeira de rodas, o nome de Fabiane pode batizar uma lei para “punir os casos de má utilização das redes sociais e da internet que resultem em crimes contra a integridade física”. 

O advogado da família de Fabiane, Airton Sinto, é quem trabalha no projeto de lei, junto a um deputado federal de São Paulo. Em entrevista, o advogado disse:

Fabiane morreu em virtude, principalmente, da leviandade do administrador da página [Guarujá Alerta] que disseminou falsos boatos e alarmou toda a comunidade de Morrinhos [bairro onde Fabiane morava com o marido e as duas filhas] (…) É necessário aprovar uma legislação específica para casos de utilização da rede social de forma irresponsável que causem dano efetivo à integridade física ou à vida de alguém.