Está vendo todos esses idiomas acima? Nós traduzimos os artigos do Global Voices para tornar a mídia cidadã acessível para várias partes do mundo.

Saiba mais sobre Tradução do projeto Língua  »

Brasil: Olimpíadas, guerra e eleições

Não poderia ser diferente; As olimpíadas, a guerra e as eleições foram as palavras-chave dominantes dessa semana na blogosfera brasileira, com muitos blogueiros comentando os jogos e as conquistas da delegação brasileira, enquanto outros estavam mais preocupados com a guerra entre a Rússia e a Geórgia, sem esquecer, de vez em quando, de ponderar sobre as próximas eleições municipais no país. Nathalia, uma blogueira novata de apenas 16 anos, reflete sobre os três assuntos:

Eu estava na quarta série quando aconteceu a copa de 2002. Fizemos um projeto na escola que envolvia todos as matérias, cada uma tratando de um aspecto do evento. Uma frase dita por algum professor que eu nem lembro quem era me marcou muito: “Esses eventos servem pra ‘disfarçar’ o que de verdade está acontecendo pelo mundo”. O Brasil foi pentacampeão naquele ano e confesso que não intendi o que aquele professor queria dizer.

Hoje, seis anos depois, acompanhando uma Olímpiada de verdade pela primeira vez isso ficou claro pra mim. Faz 5 dias que não sei o que acontece no mundo.  Ligar a TV é inútil. Todos os canais contam e recontam jogos e medalhas. Na estação de notícias que eu costumo ouvir na rádio não foi diferente. Todos parecem ter apenas um só assunto : Pequim. Até na internet que teoricamente é o meio de comunicação mais versátil e abrengente parece que se esqueceu das notícias do mundo real.

Tive que rolar minha página inicial [globo.com] até o fim pra descobrir se o mundo havia se transformado num grande ginásio Olímpico ou se ainda existiam notícias reais. Descobri que nesse meio tempo uma guerra estorou, o dólar voltou a subir e mais críticas em relação a censura chinesa foram feitas.

Além disso, não foi aprovada a lei que impedia canditatos com a ficha suja a se candidatar nas eleições desse ano e o TSE registrou 378 candidatos com mais de 70 anos. Parece que em ano de eleições, o Brasil está jogando sua sujeira política pra baixo do tapete. Um tapete chinês. Eleger idosos e acusados de crimes não parece ser a solução para nosso país. E o brasileiro não sabe disso por quê? Porque o Brasil ganhou 2 bronzes em Pequim, porque Phelps bateu mais um record ou porque a seleção do Dunga pode chegar a algum lugar.

Confesso que sou a maior fã das Olimpiadas e que acordei as 5 da manhã de sábado para ver a competição de Ginástica. Mas de vez em quando é bom olhar mais além e ver o que está por traz de um evento tão grande como esse.

2 comentários

  • Excelente artigo, Paulinha. E achei muito bacana a sua escolha de Natália como a porta-voz desta reflexão de nossa blogosfera. Muitos “grandes blogueiros” estão deslumbrados demais com as Olimpíadas ou com seus próprios egos para se preocupar com estas reflexões, mas a Natália mandou bem!

    Abraços do Verde.

  • […] public links >> guerra Brasil: Olimpíadas, guerra e eleições Saved by jesperrr on Fri 03-10-2008 Transactions: Rustich to DL; Doyle to Brooklyn Saved by […]

Junte-se à conversa

Colaboradores, favor realizar Entrar »

Por uma boa conversa...

  • Por favor, trate as outras pessoas com respeito. Trate como deseja ser tratado. Comentários que contenham mensagens de ódio, linguagem inadequada ou ataques pessoais não serão aprovados. Seja razoável.