· Agosto, 2007

Notícias sobre Educação de Agosto, 2007

Mauritânia: Ignorância e tradição

A beleza está nos olhos de quem vê. Mulheres generosamente formadas têm a preferência em Mauritânia. Quanto mais gorda uma mulher for, mais bonita ela é considerada. Ser grande é também um sinal de riqueza, e a busca pela beleza...

Índia: Fuga de cérebro às avessas dos Estados Unidos?

O Ex-Presidente da Índia Abdul Kalam foi um dos vários cientistas indianos que ficaram para trás e quiseram essa fuga de cérebros às avessas. A imprensa tem, em tempos recentes, tido um papel determinante em alertar para o fato de...

China: Novo vocabulário da rede

Josie Liu do China in Transition bloga sobre a documentação do novo vocabulário da rede feita pelo Ministério da Educação[En]. Entretanto, muitos net- cidadãos se viram quase analfabetos frente à lista do novo vocabulário. (Texto original de Oiwan Lam)

Marrocos: Seria a educação mista melhor?

Seria a educação mista melhor do que escolas apenas para garotas e escolas para garotos apenas? O blogueiro marroquino Mohammed Saeed Hjiouij divide conosco seu ponto de vista nesse post traduzido do Árabe. Hjiouij escreve: في النظام التعليمي المغربي، تأتي...

Japão: 62 anos depois, ainda na lembrança

No aniversário de 62 anos das bombas atômicas de Hiroshima e Nagasaki, muitos blogueiros se pegaram refletindo nessa semana sobre como a Segunda Guerra Mundial chegou ao fim, na forma como essa história é vista e ensinada no próprio país...

Síria: Fronteira libanesa e etiqueta de sanitário

A piora das condições para famílias e trabalhadores sírios na borda entre o Líbano e a Síria, pedidos pelo retorno do Monte do Golan, área da Síria ocupada por Israel, a metralhadora Tcheca e etiquetas no sanitário são alguns dos...

Oman: Educação, uma “perda de tempo”

O sistema de qualificação para que os estudantes do ensino médio passem para as universidades, em Oman, nunca foi considerado um sistema justo pelos locais por várias e variadas razões.  O sistema de educação anterior, ‘Thanawiyah Ammah’, costumava ser criticado...

China: Laptops de US$ 100,00 feitos aqui e vendidos acolá