Está vendo todos esses idiomas acima? Nós traduzimos os artigos do Global Voices para tornar a mídia cidadã acessível para várias partes do mundo.

Saiba mais sobre Tradução do projeto Língua  »

Fotos captam a delicada beleza das borboletas do Nepal

Cethosia biblis. Foto de Susheel Shrestha. Reproduzida com permissão.

O Nepal, país localizado na região do Himalaia, sempre encantou trilheiros, montanhistas, amantes da vida selvagem e viciados em adrenalina. Porém, caso você seja um lepidopterologista, o lugar é perfeito para seguir sua paixão. O Nepal se orgulha de ter mais de 650 espécies de borboletas, o que representa 3,72 por cento de todas as espécies de borboletas existentes no planeta.

Borboletas são encontradas por toda parte no Nepal — desde as florestas nas planícies do sul até as montanhas na parte norte. Os morros em torno do Vale de Catmandu são excelentes locais para encontrar as criaturas aladas. Os períodos de março a junho e de agosto a outubro são a alta temporada de observação das borboletas.

Susheel Shrestha, um fotógrafo freelancer, fotografou mais de 150 espécies de borboletas encontradas no Nepal desde a região das planícies até o Alto Mustang, a 3.810 metros de altitude.

Vencedor de muitos concursos nacionais de fotografia, Shrestha disse à Global Voices: “O habitat da borboleta está diminuindo dia após dia devido ao aumento da população humana”.

Apaixonado por fotografia da natureza e da vida selvagem, Shrestha continua fotografando as borboletas e planeja produzir um livro ilustrado para exibir os encantos do Nepal e promover o turismo no país.

Aqui estão algumas das borboletas que foram fotografadas com a sua câmera em diferentes partes do Nepal.

Papilio demoleus. Foto de Susheel Shrestha. Reproduzida com permissão.

Melantis Ieda. Foto de Susheel Shrestha. Reproduzida com permissão.

Pieris canidia. Foto de Susheel Shrestha. Reproduzida com permissão.

Pieris canidia em flores de mostarda. Foto de Susheel Shrestha. Reproduzida com permissão.

Grupo de borboletas Eurema blanda. Foto de Susheel Shrestha. Reproduzida com permissão.

Eurema blanda em acasalamento. Foto de Susheel Shrestha. Reproduzida com permissão.

Colias croceus. Foto de Susheel Shrestha. Reproduzida com permissão.

Loxura atymnus. Foto de Susheel Shrestha. Reproduzida com permissão.

Graphium agamemnon. Foto de Susheel Shrestha. Reproduzida com permissão.

Shrestha não é o único a documentar as borboletas do país. Um cidadão britânico, Colin Smith, passou mais de 50 anos estudando as borboletas no Nepal. Ele viajou para 40 distritos coletando 25 000 borboletas e escreveu o livro “Catálogo Ilustrado das Borboletas do Nepal”.

As borboletas coletadas por Smith — conhecido como ‘Putali Baje’, que significa ‘Vovô Borboleta’ no Nepal — foram exibidas no Museu de História Natural, de Catmandu; no Museu da Borboleta de Annapurna, em Pokhara; e na Universidade de Catmandu, em Dhulikhel.

Inicie uma conversa

Colaboradores, favor realizar Entrar »

Por uma boa conversa...

  • Por favor, trate as outras pessoas com respeito. Trate como deseja ser tratado. Comentários que contenham mensagens de ódio, linguagem inadequada ou ataques pessoais não serão aprovados. Seja razoável.