Está vendo todos esses idiomas acima? Nós traduzimos os artigos do Global Voices para tornar a mídia cidadã acessível para várias partes do mundo.

Saiba mais sobre Tradução do projeto Língua  »

O feliz Natal dos artistas sírios

[Todos os links conduzem a sites em inglês, exceto quando indicado o contrário.]

Os cristãos da Síria celebram discretamente o Natal, enquanto a guerra civil nacional entra em seu quarto ano, marcando a morte de mais de 100 mil pessoas e o deslocamento de milhões para países vizinhos, onde buscam asilo. 

Junto com o asilo, veio um inverno severo e preces para a volta para casa, como esta reportagem da emissora Al Jazeera explica.

Este ano, a Síria testemunhou uma imensa destruição, mortes e um número tremendo de sequestros que deixaram a maioria de seus cidadãos sem esperança. Esta falta de esperança [pt] pode ser vista nos trabalhos de artistas que, muitas vezes, expressam em uma única obra de arte a angústia da nação de uma maneira melhor que um milhão de palavras.

Representações do Papai Noel em obras de arte sírias

Simulando os sequestros na Síria, Jawad pintou um Papai Noel sequestrado, com roupas esfarradas e ajoelhado sob a mira de uma arma:

[Photo source: Art by Jawad Facebook Page]

[Fonte: Arte na página do facebook de Jawad]

Na obra de Anas Salameh [ar], o defunto do Papai Noel é carregado para fora de Al Yarmouk, um campo de refugiados palestinos na Síria:

[Photo source: Anas Salameh's Facebook profile]

[Fonte: Página do facebook de Anas Salameh]

Além disso, o Papai Noel é visto em lágrimas quando seus presentes chegam um pouco mais tarde para as martirizadas crianças sírias:

Done by Comic4 Syria كوميك لأجل سوريا [Photo Source: Comic4 Syria كوميك لأجل سوريا Facebook Page]

Feito por Comic4 Syria كوميك لأجل سوريا [Fonte: Página do facebook da Comic4 Syria كوميك لأجل سوريا]

Aqui, ele aparece de luto sentado entre as covas das crianças:

Artwork by Wissam Al Jazariry [Photo Source: Wissam Al Jazariry Artworks Facebook Page]

Obra de Wissam Al Jazariry [Fonte: Página do Facebook de Wissam Al Jazariry]

O espírito de Natal: sinos, árvores de natal e ornamentos

Uma sátira faz alusão à canção dos sinos natalinos além de clamar por liberdade e pela expulsão de Bashar Al-Assad. O autor da sátira, conhecido como Mogwli Mowgli, morreu sob tortura:

Anwar Al Eissa pintou um ornamento metafórico encharcado de sangue pendurado em um freezer, remontando às terríveis e geladas condições que muitos sírios estão a vivenciar neste Natal:

[Photo Source: Anwarts Facebook Page]

[Fonte: Página do facebook de Anwart]

Amjad Wardeh pintou uma árvore de natal após uma explosão:

Feliz natal e os melhores votos de Bashar! #Síria

Enquanto isso, Hani Abbas cria uma árvore de natal a partir de uma tenda de refugiados:

[Photo Source: Hani abbas cartoon]

[Fonte: Cartoon de Hani abbas]

O artista alépio Mohamad Alweis escreve “Feliz Natal” com um floco de neve feito de morteiros e mísseis, comentando sutilmente sobre os 100 barris que caíram sobre Alepo na semana passada:

[Photo Source: Mohamad Alweis's Facebook Profile]

[Fonte: Página do Facebook de Mohamad Alweis]

No entanto, com as sombras chega uma trêmula flama de esperança em um futuro melhor. Observe a filmagem feita pelo direitor sírio Eyad Aljarod de crianças de Saraqeb, muçulmanas e cristãs, que celebram o natal e compartilham seus sonhos:

Bells 2013 – أجراس 2013, por eyad aljarod no Vimeo.