Está vendo todos esses idiomas acima? Nós traduzimos os artigos do Global Voices para tornar a mídia cidadã acessível para várias partes do mundo.

Saiba mais sobre Tradução do projeto Língua  »

Egito: Praça Tahrir em Chamas

Este post faz parte de nossa cobertura especial Protestos no Egito em 2011.

A Polícia Militar egípcia tocou fogo na Praça Tahrir, no Cairo, para forçar a saída dos ativistas do lado de fora do Gabinete no primeiro aniversário da revolução árabe, despertada pela autoimolação de Mohammed Bouazizi em Sidi Bouzid, na Tunísia [en]. Internautas do Egito estão a postos para oferecer depoimentos do que está acontecendo neste momento no local.

A batalha #OccupyCabinet tem se movimentado já por dois dias: oito pessoas foram mortas e mais de 300 feridas com o ataque dos militares aos manifestantes, que acampavam do lado de fora da sede do Gabinete no Cairo há três semanas, em protesto contra a nomeação feita pelos militares de Kamal El Ganzouri como novo primeiro-ministro, no início deste mês.

El Ganzouri organizou uma conferência de imprensa, a ressaltar que o exército não atacaria manifestantes pacíficos. Minutos depois, uma grande ofensiva partiu contra os manifestantes, empurrando-os para fora do Gabinete, evacuando e queimando a Praça Tahrir. Internautas fazem relatos em suas páginas do Twitter enquanto escrevo.

OneRevolution tuíta:

@nagoul1: A massacre is taking place in #Tahrir right #now! #egypt #NoScaf #MediaBlackout

@nagoul1: Está acontecendo um massacre em #Tahrir neste exato momento! #egypt #NoScaf [SCAF Não] #MediaBlackout [Apagão da Mídia]

E exclama:

@Nagoul1: We lost the square! #Tahrir #Egypt #NoScaf

@Nagoul1: Perdemos a praça! #Tahrir #Egypt #NoScaf

Ele explica:

@nagoul1: The army used live ammunition to disperse #tahrir protesters -forcing them back away from cabinet buiding to the mddle of the square.

@nagoul1: O exército usou munição para dispersar os manifestantes da #tahrir, forçando-os a se retirar do prédio do gabinete para o meio da praça.

E destaca o ponto de onde testemunha e escreve:

@nagoul1: I am three blocks away from where the action is. It was very loud.

@nagoul1: Estou a três quarteirões de onde se desenrola a cena. Foi muito barulhento.

Pelo Twitter, Sharif Khaddous compartilha esta imagem da Praça Tahrir naquele momento e explica:

Sharif Kouddous compartilha esta imagem da Praça Tahrir pelo Twitter

Sharif Kouddous compartilha esta imagem da Praça Tahrir pelo Twitter

@sharifkouddous: Groups of soldiers roaming square. Some people getting beaten randomly. Tents burning. Tahrir looks like a war zone

@sharifkouddous: Grupos de soldados rondando a praça. Algumas pessoas foram espancadas aleatoriamente. Barracas em chamas. Tahrir parece uma zona de guerra.

O jornalista complementa:

@sharifkouddous: Army soldiers just came into apartment we are at and took cameras from us

@sharifkouddous: Soldados do exército acabaram de adentrar nosso apartamento e tomaram as nossas câmeras

Como de costume, jornalistas não foram poupadas neste ataque aos manifestantes. Hayat Al Yamani tuíta que suas colegas da Al Jazeera Mubashar também foram detidas.

الشرطة العسكرية قبضت على زمايلي من الجزيرة مباشر مصر اللي كانوا بيصورو الفجر

@HayatElYamani
: A Polícia Militar prendeu meus colegas da Al Jazeera Mubasher Egito, que estavam filmando ao amanhecer
الشرطة العسكرية داهمت المكان اللي كنا بنصور منه الفجر واخدوا المعدات وقابضين على 3من زمايلنا

@HayatElYamani
: A Polícia Militar invadiu o local de onde filmávamos ao amanhecer, levou nosso equipamento e prendeu três de nossos colegas

Bel Trew estava no local, tuitando em tempo real. Aqui estão de alguns de seus frenéticos tweets, enquanto o caos se desenrolava:

@Beltrew: Tents on fire on the midan [Square]. Army everywhere and extremely violent. Can here bangs not sure if it's gunfire #tahrir a mess

@Beltrew: Barracas em chamas na praça. Exército por toda parte e violência extrema. Pode escutar barulhos, mas não sei se são tiros #tahrir está uma bagunça

@Beltrew: Protesters being chased down corniche running between the traffic. This is ridiculous #tahrir

@Beltrew: Manifestantes estão sendo perseguidos numa corrida por entre os carros. Isso é ridículo #tahrir

E Adam Makary ressalta:

@adamakary: PM Ganzouri SAID violence will not be used on peaceful protesters just ten minutes ago #Egypt

@adamakary: PM Ganzouri DISSE que violência não seria usada contra manifestantes pacíficos há apenas 10 minutos #Egypt

E continuou:

@adammakary: The military police have taken tahrir and qasr el aini – they've got it sealed from every rooftop and every road entrance. Painful images

@adammakary: Policiais militares tomaram Tahrir e Qasr el Aini – está tudo cercado, de todos os telhados e todas as vias de acesso. Cenas dolorosas

E ele compartilha esta imagem:

Tahrir em Chamas. Adam Makary compartilha esta imagem da praça Tahrir queimando pelo yfrog

Tahrir em Chamas. Adam Makary compartilha esta imagem da praça Tahrir queimando pelo yfrog

@adammakary: This is #tahrir now, I'm speechless #egypt #occupycabinet

@adammakary: #tahrir está assim agora, estou sem palavras #egypt #occupycabinet [OcupeGabinete]

Ele explica:

@adamakary: Military police setting every tent ablaze in their vicinity, bashing cars, everything.. anything #egypt

@adamakary: Policiais militares ateiam fogo em cada barraca de acampamento do entorno, quebrando carros, tudo… qualquer coisa #egypt

Este post faz parte de nossa cobertura especial Protestos no Egito em 2011.

Inicie uma conversa

Colaboradores, favor realizar Entrar »

Por uma boa conversa...

  • Por favor, trate as outras pessoas com respeito. Trate como deseja ser tratado. Comentários que contenham mensagens de ódio, linguagem inadequada ou ataques pessoais não serão aprovados. Seja razoável.