Está vendo todos esses idiomas acima? Nós traduzimos os artigos do Global Voices para tornar a mídia cidadã acessível para várias partes do mundo.

Saiba mais sobre Tradução do projeto Língua  »

Líbia: Comemorações com a Morte de Gaddafi Confirmada

Este post faz parte de nossa cobertura especial Revoltas na Líbia 2011. [en]

O líder líbio Muammar Al Gaddafi está morto [en]. Após centenas de milhares de tweets e jogos de predição entre uma e outra notícia de que fora capturado, de que estava ferido, morto, ou os três juntos, finalmente foi confirmado pelo Conselho Nacional de Transição (CNT), atualmente no poder, que ele está realmente morto.

O sultão Al Qassemi, dos Emirados Árabes Unidos, e Andy Carvin, da NPR, brincaram:

@acarvin: And re-animate it. RT @SultanAlQassemi: especially with the NTC's poor track record, they may need to bring his corpse on stage

@acarvin: E reanimá-lo. RT @SultanAlQassemi: por conta do fraco histórico do CNT, quiçá eles tenham que levar o corpo até um palanque

Wall painting showing Muammar al Gaddafi, France. Image by Flickr user Abode of Chaos (CC BY 2.0).


Com a notícia da morte de Gaddafi, o CNT decidiu ser cauteloso com o anúncio até que houvesse certeza de que ele realmente estava morto. Anteriormente havia anunciado a captura de outros membros da família de Gaddafi, para então estes aparecerem em canais de TV refutando a informação.

De maneira geral, o ano de 2011 tem sido um ano ruim para ditadores árabes e um bom ano para seu povo. O palestino Ahmed Shihab-Eldin ressalta:

@ASE: #Gaddafi was killed. So that means, 1 dead, 1 fleed, 1 hospitalized, 1 burned and 1 batshit crazy…among others.

@ASE: #Gaddafi foi morto. Isso significa que 1 morreu, 1 fugiu, 1 foi hospitalizado, 1 foi queimado e 1 enlouqueceu… entre outros.

E Al Qassemi adverte:

@SultanAlQassemi: Are you watching Bashar? Are you watching Saleh? #Gaddafi

@SultanAlQassemi: Estás a ver, Bashar? Estás a ver, Saleh? #Gaddafi

A referência é aos ditadores sírio e iemenita Bashar Al Assad e Ali Abdullah Saleh, que têm matado seu próprio povo há meses.

Enquanto isso, comemorações continuam na Líbia.

Moez, de Trípoli, relata:

@libyanrevolt: razy scenes of jubilation on every road in #Tripoli right now – unbelieveable! #libya #feb17

@libyanrevolt: cenas de júblio em cada rua de #Tripoli neste momento – inacreditável! #libya #feb17

E Ali Tweel confirma:

@AliTweel: no I'm in Tripoli. it's like a war here because of the celebratory firing. I can't explain.

@AliTweel: não, estou em Trípoli. Isto parece uma guerra por causa dos fogos de comemoração. Não consigo explicar.

E as brincadeiras continuam.

As diversas grafias do nome de Gaddafi continuam a gerar brincadeiras e sátiras.

DJ Xpect satiriza:

@djxpect: So apparently Gaddafi is still alive…captured. It's Qaddafi who has been killed. Khaddafi is still releasing audio broadcasts from Sirte

@djxpect: Então parece que Gaddafi ainda está vivo… capturado. É Qaddafi que foi morto. Khaddafi ainda está a gravar depoimentos de áudio, em Sirte.

Naser Weddady ironiza:

@weddady: Botox spilled? RT @SultanAlQassemi: BREAKING photo of Gaddafi killed http://mun.do/p5pzgA via @Suanzes

@weddady: Derramou Botox? RT @SultanAlQassemi: [referência a “BREAKING news“, que significa últimas notícias, mas no inglês vem do verbo break, quebrar] foto de Gaddafi morto http://mun.do/p5pzgA via @Suanzes

E Tom Gara conclui:

@tomgara: Gaddafi being hunted down like an animal after promising to hunt his opposition like animals is one of 2011's finest developments.

@tomgara: Gaddafi ser caçado como um animal após prometer caçar seus opositores como animais é um dos melhores desobramentos de 2011.

Gaddafi chamou seu povo de animais e de roedores em longos e incoerentes discursos.

A queda de Sirte, o último domínio de Gaddafi, foi divuglada há algumas horas. Trípoli, a capital da Líbia, caiu nas mãos de revolucionários há dois meses, e a revolução líbia teve início em 16 de Fevereiro, um dia antes do dia marcado para começar, em 17 de Fevereiro.

Este post faz parte de nossa cobertura especial Revoltas na Líbia 2011. [en]

Inicie uma conversa

Colaboradores, favor realizar Entrar »

Por uma boa conversa...

  • Por favor, trate as outras pessoas com respeito. Trate como deseja ser tratado. Comentários que contenham mensagens de ódio, linguagem inadequada ou ataques pessoais não serão aprovados. Seja razoável.