· Maio, 2010

Notícias sobre Relações Internacionais de Maio, 2010

Angola: Similaridades entre Cabinda e Timor Leste

Orlando Castro revela [pt] as similaridades entre o enclave angolano de Cabinda e a recente história do Timor Leste, criticando as posições dos líderes portugueses e timorenses por falharem em reconhecer [o direito] à autodeterminação da província que produz 70%...

Rússia: “Nacionalismo Circassiano e Internet”

No OpenDemocracy.net, Zeynel Abidin Besleney escreve sobre “o papel desempenhado pela Internet como uma tábua de salvação ligando ativistas e comunidades, de outra forma isoladas, reforçando a causa nacionalista Circassiana”.

Eslovênia, Croácia: Mais Sobre a Disputa de Fronteira

Sleeping With Pengovsky posta O guia definitivo para o acordo de arbitragem entre a Eslovênia e a Croácia – Parte 1 e Parte 2. Borut Peterlin postou este comentário: “A disputa de fronteira com a Croácia é a ferramenta mais...

Rússia: “É Khodorkovsky um Dissidente?”

Vadim Nikitin compartilha seus pensamentos sobre se Mikhail Khodorkovsky [ex-magnata russo do petróleo preso desde 2003] pode ser considerado um dissidente.

Rússia: Mais Comentários Sobre o Dia da Vitória

O blog A Good Treaty analisa comentários selecionados de blogs e da mídia sobre o aniversário de 65 anos do Dia da Vitória [en] na Rússia: “Meus próprios sentimentos sobre o passado da Rússia na Segunda Guerra Mundial estão longe...

Irã: O Acordo Nuclear Irã-Brasil-Turquia

No Brasil, Maria Frô descreve o acordo assinado pelo Irã, Brasil e Turquia como a maior vitória diplomática dos últimos tempos; do outro lado, na Índia, o blog The Acorn considera o acordo como uma tentativa [en] iraniana para conseguir...

Rússia: Re-Orientação da Política Externa?

O blog The Power Vertical, da RFE/RL [Radio Free Europe/Radio Liberty] escreve sobre o plano da Rússia de “reorientar sua política externa para uma direção mais pragmática e pró-ocidental”. Robert Amsterdam escreve sobre a cooperação entre a Rússia e a...

Moçambique: Discussão sobre Ajuda

Países doadores brevemente suspenderam o apoio ao orçamento para o governo moçambicano por se preocuparem com a corrupção. A atitude gerou a análise e debate sobre ajuda, corrupção e governança.