Sara Moreira · Janeiro, 2013

Dedica-se ao estudo e desenvolvimento de estratégias de comunicação para a promoção dos “comuns” (commons), no âmbito de um projecto de doutoramento sobre a Sociedade da Informação e do Conhecimento em Barcelona (IN3/UOC). Licenciada e mestre em Engenharia Informática (FEUP), trabalhou como editora dos países de língua portuguesa no Global Voices (2010-2014) e em projectos internacionais de jornalismo de investigação e de dados. Colabora com diversas iniciativas associativas e comunitárias dedicadas à agroecologia, economias alternativas e media independentes.

saritamoreira.com | @saritamoreira | Linkedin | 0x6023D406
Também escreve em inglês no Global Voices.

Email Sara Moreira

Últimos posts por Sara Moreira de Janeiro, 2013

Moçambique: Mobilização cidadã em apoio às vítimas das cheias

Brasil: Construções para a Copa 2014 ameaçam “museu vivo” indígena

Há seis anos atrás, o edifício abandonado do Primeiro Museu do Índio, no Rio de Janeiro, Brasil, se transformou em um "museu vivo" e tornou-se o lar de diversas comunidades indígenas. Na manhã de 12 de janeiro de 2013, a...

Protestos indígenas e pregação online: panorama dos países de língua portuguesa em 2012

Na medida em que os últimos dias do calendário se aproximam, fazemos um panorama da mídia cidadã com os destaques do que aconteceu no mundo online na língua portuguesa.

Equívocos sobre a situação económica da Islândia

Felicidade diária para idosos

Espanha: Ano Novo, Partido Novo, Sistema Novo

"Feliz 2013! O ano em que iremos reiniciar o sistema." Esta foi a primeira mensagem a aparecer no Twitter, a 31 de Dezembro à meia noite, do Partido X, Partido del Futuro, um novo grupo político que se revelou com...

Ramos Horta convocado para consolidar a paz na Guiné Bissau

O caos político em que se encontra a Guiné Bissau - particularmente desde o golpe de estado de Abril de 2012 - pode ter encontrado novo alento para a procura da sua resolução com a recente nomeação do Prémio Nobel...

Lobby e transparência: União Europeia sob pressão

Na União Europeia há uma resistência política considerável à cultura da transparência. Organizações da sociedade civil e activistas digitais marcam uma posição no que diz respeito aos direitos dos cidadãos em defesa da democracia participativa.

Egipto: O povo exige software livre e aberto

Muito já se disse sobre o carácter libertador que a tecnologia assumiu nas revoltas do Médio Oriente, mas ainda há muito a explorar no que diz respeito ao papel que a revolução deve desempenhar na libertação da própria tecnologia naquela...