Está vendo todos esses idiomas acima? Nós traduzimos os artigos do Global Voices para tornar a mídia cidadã acessível para várias partes do mundo.

Saiba mais sobre Tradução do projeto Língua  »

Marilia Gazola

Email Marilia Gazola

Últimos posts por Marilia Gazola

26 Fevereiro, 2018

O maior jornal do Brasil deixa o Facebook e o acusa de propagar ‘fake news’

Editor da Folha acusa Facebook de "...Proibir o jornalismo profissional de suas páginas em favor de conteúdo pessoal, abrindo espaço para proliferação de "fake news".

22 Fevereiro, 2018

Após envio de top model para o hospício, são-vicentinos temem que política e patriarcado estejam em jogo

"Se Yugge não tem acesso à justiça, como acreditar que estamos protegidas?"

4 Fevereiro, 2018

Biotestamento na Itália: “disposições antecipadas do tratamento de fim de vida” tornam-se lei

Assinar um testamento biológico na Itália, agora, significa se ver como alguém capaz de entender e querer, quais tratamentos de saúde serão aceitos ou recusados em caso de incapacidade mental.

26 Janeiro, 2018

Dois artistas iranianos importantes, duas reações muito diferentes aos protestos

De um lado, um escritor célebre, conhecido por sua luta contra a censura, condena a queima da bandeira nacional durante os protestos. Por outro lado, um famoso cineasta apoia os protestos.

5 Janeiro, 2018

2017: mais um ano de empoderamento feminino na América Latina

Os movimentos de mulheres continuam a ganhar terreno na América Latina, espera-se que 2018 seja um ano de crescimento de muitos outros projetos que promovam mudanças fundamentais na sociedade.

24 Novembro, 2017

Escândalo do “Cimentaço” deixa rastros de corrupção na campanha presidencial da Costa Rica

O escândalo de corrupção "El cementazo" ameaça as eleições presidenciais em um dos países com constituição mais estáveis da região.

9 Novembro, 2017

Ex-refugiado que dormia ao relento em Roma, agora é dono de restaurante e hotéis e sonha com a reconstrução do Afeganistão

The Bridge

"Eu quero investir no Afeganistão. Nunca esqueci meu país e não posso viver feliz sabendo que meu povo está sofrendo."