Buala.org é o sítio da associação cultural Buala e o primeiro portal multidisciplinar de reflexão, crítica e documentação das culturas africanas contemporâneas em língua portuguesa, com produção de textos e traduções em francês e inglês.

Buala significa casa, aldeia, a comunidade onde se dá o encontro. Buala means home, village, community, and a meeting place.Buala signifie maison, village, communauté où l’on se rencontre. Twitter: @buala_ac / Facebook: Buala

Email Buala - culturas africanas contemporâneas

Últimos posts por Buala - culturas africanas contemporâneas

Bastidores Fanzine: os “vários Moçambiques” espelhados numa publicação alternativa

Um espaço livre, de divulgação de ideias sobre o contexto social, cultural e ambiental de Moçambique que desafia os limites da imaginação, permitindo diferentes abordagens e perspectivas.

Narrativas do narcotráfico preenchem música rap da Guiné-Bissau

O "narco-rap" é uma inovação na resistência ao narcotráfico em Estados frágeis, resultado da articulação entre os rappers e as rádios, dando visibilidade às denúncias e reivindicando alternativas.

Underground lusófono: blogueiros de Angola e Moçambique lançam mixtape de hip-hop

O blogue moçambicano Submundo Luso lançou o desafio ao 12transfusons, um blogue angolano sediado em Cabinda, e o resultado é para ouvir: uma compilação com 30 faixas de hip-hop do Brasil, Portugal, Moçambique e Angola.

Buala - culturas africanas contemporâneas

Últimos artigos Buala

  • há 59 minutos

    O mar e as correntes da Literatura chinesa

    Hélder Beja Há vários livros que quero referir nesta breve passagem pela literatura chinesa contemporânea. Alguns são fruto desse trabalho no festival Rota das Letras, já que convidávamos todos os autores que nos visitavam a escrever sobre Macau a posteriori. Nem todos o fizeram mas muitos aceitaram o desafio. Contos,… Ver mais »

  • há 1 hora

    Doc’s Kingdom 2021: De Manuela Serra ao cinema experimental, os movimentos que abrem caminhos

    Anabela Roque Os quatro dias dedicados, este ano, ao cinema experimental, em Arcos de Valdevez, ofereceram-nos uma panorâmica de diferentes práticas e realidades, vindas de distintas geografias, resultado de deslocamentos ou da diáspora individual das suas autoras. Este cruzamento de culturas foi ampliado pelos debates que juntaram participantes de vários… Ver mais »

  • há 1 dia

    Cenas do Gueto I Preto com atitude

    Otávio Raposo Yuri G tá na casa e a poesia é em crioulo. “Disseram para eu esquecer a minha cultura sem nenhuma razão”. Sem medo da igualdade, ele aponta o dedo ao racismo. É a resistência no gueto. O rap é a arma. Ver mais »

  • há 2 dias

    O labor da memória como “intervenção radical” e “reparação”: entrevista com Marita Sturken

    Inês Beleza Barreiros O campo dos estudos da memória é desafiado mais do que nunca pela crescente volatilidade dos debates sobre o que as nações lembram e, consequentemente, o que esquecem. Monumentos e memoriais estão a ser vandalizados, demolidos e oficialmente removidos. Estes já não podem mais ser simplesmente vistos… Ver mais »

  • há 1 semana

    Cenas do Gueto I Festa no Mocho

    Otávio Raposo Festa no Mocho – A festa é o momento de confraternização por excelência, quando diferentes gerações se juntam para comer, dançar e celebrar. Ver mais »