Está vendo todos esses idiomas acima? Nós traduzimos os artigos do Global Voices para tornar a mídia cidadã acessível para várias partes do mundo.

Saiba mais sobre Tradução do projeto Língua  »

No “Oscar” chinês, cineasta taiwanesa pede pela independência

Diretora Fu Yue (à esquerda) faz seu comentário no Festival do Cavalo de Ouro. Imagem de captura de tela.

A diretora Fu Yue (à esquerda) faz seu discurso na premiação do Cavalo de Ouro. Imagem de captura de tela.

“Eu realmente espero que um dia nosso país seja considerado uma entidade independente. Esse é o meu maior desejo como taiwanesa”. Com essas palavras, faladas no palco entre lágrimas durante o Festival e Premiação do Cavalo de Ouro em 17 de novembro, a cineasta taiwanesa Fu Yue causou polêmica sobre a situação política de seu país, provocando reações de figuras políticas proeminentes e outras celebridades de comunidades da língua chinesa em Taiwan, Hong Kong e China continental.

Seu filme “A Nossa Juventude em Taiwan”, um relato de dois estudantes que participaram do Movimento Girassol de 2014, ganhou o prêmio de Melhor Documentário no evento também conhecido como “Oscar chinês”, uma cerimônia tradicional realizada em Taiwan todos os anos desde 1962, na qual filmes da República Popular da China competem regularmente.

Embora um forte aplauso tenha seguido seu discurso, alguns não gostaram das palavras a favor da independência de Taiwan e aproveitaram a oportunidade para protestar. A atriz chinesa e presidente do júri Gong Li recusou-se a apresentar o prêmio de Melhor Longa-Metragem e o ator Tu Men, ao entregar o prêmio de Melhor Atriz no palco, disse que era uma honra estar em “Taiwan, na China”, e que se sentia como se fizesse parte de “uma grande família dos dois lados do estreito”.

Relatos dão conta que muitos chineses do continente que estavam presentes foram embora mais cedo, supostamente para evitar que fossem vistos na festa após a premiação.

Existe uma preocupação que, de agora em diante, o incidente possa levar a China a boicotar a Premiação do Cavalo de Ouro, o que poderia significar seu fim. Tal preocupação não é infundada. O presidente chinês, Xi Jinping, em diversas ocasiões, opôs-se firmemente à independência de Taiwan, desde que Tsai Ing-wen e seu Partido Democrático Progressista (DPP), favorável à independência, venceram as eleições presidenciais de Taiwan, em 2016. Em seu discurso no 19.º Congresso do Partido, em 2017, disse:

We have firm will, full confidence, and sufficient capability to defeat any form of secession plot by Taiwan. We will never allow any person, any organization, or any political party to split any part of the Chinese territory from China at any time or in any form.

Temos força de vontade, confiança e capacidade suficientes para derrotar qualquer forma de secessão planejada por Taiwan. Nunca permitiremos que qualquer pessoa, organização ou partido político subtraia parte do território chinês da China, a qualquer tempo, sejam quais forem os meios.

Pôster da linha das nove raias via China Daily.

Pôster da linha das nove raias via China Daily.

Não é de se surpreender que, assim que Fu recebeu seu prêmio no domingo, Pequim tenha cortado a cobertura completa do evento na TV e os serviços de streaming da internet. A mídia afiliada ao CCP, incluindo o China Daily e o Central Communist Youth League, reagiram postando nas redes sociais uma imagem patriótica com os dizeres: “A China não pode ser menor” junto com o mapa da China, com a linha das nove raias e Taiwan. Os posts receberam muitas reações positivas de celebridades da China continental, Taiwan e Hong Kong nos últimos dias.

Fora do Projeto Escudo Dourado, muitos internautas inundaram o Facebook de Fu Yue com comentários raivosos. A jovem diretora respondeu com calma e expressou sua esperança de que uma comunicação genuína possa emergir da tempestade. Ainda na sua página do Facebook, ela disse:

對於許多網友(大部分來自中國)在我的臉書上寫下的上萬則回應,其中包括許多怒罵和攻擊,其實我看完並不特別憤怒或難過。
許多媒體昨晚報導《我們的青春,在台灣》是一部「太陽花學運」紀錄片。但其實318運動只是這部片的一部分,片名中的「我們」,指的是一位台灣學生、一位中國學生,和我自己。這部片不只是在記錄我們一起經歷的台灣大大小小社會運動的過程。我最初的構想,其實是想探究:在台灣國內,及台灣與中國、香港之間,懷抱不同國族認同、具有不同政治立場的年輕世代,是否能夠透過對話,來理解彼此的立場與差異,甚至共同合作?…昨晚到今天,有些朋友說:「如今這些網友的留言,看來對妳的創作初衷是最大的諷刺。原本想對話的,現在卻還是化為上萬則咒罵的留言。」
但我不是這樣看的。
中國與台灣之間的公民社會存在著大量的誤解與仇恨,這是長期累積下來的事實。我的創作就是想處理這個問題。如今這個場面,不見得是結果,而或許能是另一場對話的開始。
昨晚頒獎典禮後,在頒獎台上有部分中國領獎、頒獎者接續講出「中國台灣」、「兩岸一家親」等言論。我尊重,但當然不能同意。
我可以理解他們當中許多人做出的反應,或許是出於無奈與恐懼。但如果他們當中有人心中真是那樣想的,我也想誠摯地邀請他們,以及灌入我臉書留言的中國網友們,有機會的話,一起來看看這部作品。
我在頒獎典禮上的發言,並不是「一時激動」,更不像部分中國網友所說的「受到民進黨政府的指使」。這是我自己一直以來就很想為這部作品所說的話。
有些網友說:「從此之後妳不用混了,更不用想踏足中國電影界」。對於日後或許無法再和許多優秀的中國電影工作者交流,我當然也有遺憾。但對於我日後職業生涯所可能面臨的一切後果,我願意承擔,且並不後悔。
另有部分評論說:「講話要看場合!妳個人的自私毀了金馬獎多年來的經營,以後中國政府不可能再讓中國電影踏足金馬」。對於這點,我想說的是:我在頒獎典禮上講的話,其實也是我這部作品中的部分主題,這不是一句「政治歸政治,藝術歸藝術」可以迴避,因為這部片的拍攝對象本身就是政治。我很感謝金馬奬的評審們讓這部作品得獎。作為導演,我必須為我的作品說話,來回應他們的勇氣。

Em resposta aos muitos internautas, na maioria da China continental, que deixaram milhares de comentários com palavrões e ataques pessoais eu não estou com raiva nem zangada.

A mídia, em geral, divulgou “A Nossa Juventude em Taiwan” como um documentário sobre o Movimento Girassol, mas esse é apenas um dos temas. “A nossa juventude” do título refere-se a um estudante taiwanês, uma estudante da China continental e a mim mesma. Ele não só reconta nossas experiências no Movimento, mas a minha ideia desde o início foi explorar a possibilidade de diálogo e compreensão mútua de identidades nacionais e posições políticas entre jovens de Taiwan, Hong Kong e China, de modo a que encontrassem formas de cooperação. Desde ontem à noite muitos dos meus amigos observaram: “os comentários on-line estão zombando de sua intenção original, que era a de abrir um diálogo, e agora você recebe um monte comentários com palavrões”.

Entretanto, não vejo as coisas desse modo.

A sociedades civis da China e de Taiwan, desenvolveram mal-entendidos e ódio uma contra a outra ao longo de décadas. Quero abordar essa problemática através de meu trabalho. A presente situação não deve ser encarada como o término, mas como o começo de uma nova rodada de diálogos.

Na noite passada, durante e após a cerimônia de premiação, alguns apresentadores e premiados repetiram “Taiwan, China” e “uma grande família unida pelo estreito de Taiwan”. Respeito seu ponto de vista, porém não posso concordar com eles.

Compreendo que alguns disseram isso por falta de opção, ou por medo. Para aqueles que genuinamente creem no que disseram, assim como aqueles internautas da China continental, que inundaram meu Facebook, convido-os a assistirem ao meu filme quando tiverem oportunidade.

Meu discurso não foi uma mera reação emocional ou “instruído pelo Partido Democrático Progressista”, como deram a entender alguns. Isso é tudo que eu queria dizer a respeito do documentário.

Algumas pessoas chegaram a dizer na internet: “A partir de agora, você não pertence a indústria cinematográfica e não colocará os pés no setor cinematográfico chinês”. Claro, é uma pena que eu possa perder a possibilidade de compartilhar experiências com tantos cineastas chineses excelentes, mas estou disposta a encarar as consequências sem arrependimentos.

Outros disseram: “Você tem que considerar o que é apropriado para a ocasião. Seu egoísmo arruinou a Premiação do Cavalo de Ouro, no futuro o governo chinês pode proibir a participação de filmes da China continental”. Minha resposta a isso é que meu pronunciamento foi relacionado à temática do filme. O ditado “política é política, arte é arte” não pode controlar o assunto do filme, que é política. Estou grata ao júri da Premiação do Cavalo de Ouro e, como diretora do filme, tenho que defender meu trabalho em respeito à sua coragem.

Em Taiwan, o incidente também provocou respostas, incluindo a do presidente do país, Tsai Ing-wen, que postou no Facebook em 18 de novembro:

我以昨天的金馬獎為榮,它突顯台灣之所以不同於中國,就在於我們的自由與多元,而這正是所有藝術創作能夠盡情奔放的樂土。
金馬獎就是秉持這樣的精神。我們歡迎所有電影工作者來台灣交流工作,在這裡不會有人因為不同言論就消失或被消音,我們也沒有會被網路屏蔽的敏感詞。這就是台灣。但我們也希望這些來到台灣的客人在享受自由的空氣之餘,也能尊重台灣人民的想法。

Estou muito orgulhosa pela Premiação do Cavalo de Ouro na noite passada. Demonstra que a diferença entre Taiwan e China é que nós, taiwaneses somos livres e diversos. Esta é uma terra prolífera em arte e criatividade. A Premiação do Cavalo de Ouro reflete nosso espírito. Damos às boas-vindas a todos os cineastas que venham a Taiwan para compartilhar experiências e trabalhar. Aqui, as pessoas não irão “desaparecer” ou silenciar devido a seus pontos de vista. Nós não filtramos palavras controversas postadas on-line. Aqui é Taiwan. Esperamos que quem visite Taiwan desfrute da liberdade e respeite o ponto de vista dos taiwaneses.

De fato, Taiwan tornou-se um Estado independente desde 1949, quando o partido Kuomintang refugiou-se na ilha e estabeleceu um governo no exílio, após ser derrotado pelo Partido Comunista Chinês na Guerra Civil chinesa. Contudo, a República Popular da China insiste na “Política de Uma China”. Desde as eleições presidenciais de Taiwan em 2016, Pequim redobrou a pressão econômica e diplomática e fez ameaças militares a Taiwan.

Inicie uma conversa

Colaboradores, favor realizar Entrar »

Por uma boa conversa...

  • Por favor, trate as outras pessoas com respeito. Trate como deseja ser tratado. Comentários que contenham mensagens de ódio, linguagem inadequada ou ataques pessoais não serão aprovados. Seja razoável.