Está vendo todos esses idiomas acima? Nós traduzimos os artigos do Global Voices para tornar a mídia cidadã acessível para várias partes do mundo.

Saiba mais sobre Tradução do projeto Língua  »

União: México mostra a recuperação da devastação do duplo terremoto em fotografias

19-s mexico earthquake SILENCE sign

Este não é um gesto de vitória. O punho erguido é um sinal que os socorristas fazem para pedir aos que estão em volta que façam silêncio e escutem os sinais de vida dos sobreviventes. Imagem de Santiago Arau.

Os fortes terremotos que sacudiram as regiões central e sudoeste do México em setembro de 2017 (um no dia 7 e outro no dia 19) revelaram uma verdadeira força e solidariedade dos habitantes do país. Isso foi visível não apenas pela onda de voluntários que tomaram as ruas da capital para remover detritos e doar suprimentos, mas também pelos internautas que capturaram e compartilharam imagens de um evento que deixou o país em estado de choque.

Várias pessoas colaboraram na coleta de fotos documentando a devastação e o esforço de ajuda subsequente. Dentre eles estão o fotógrafo Santiago Arau e o montanhista Raul Morales.

Arau compartilhou várias fotos via Instagram e também as disponiblizou para aqueles que desejam usá-las no site WeTransfer. Raúl Morales compartilhou as imagens no Google.

Abaixo, analisamos algumas das imagens mais evocativas e representativas capturadas pela dupla.

Nesta foto tirada durante as primeiras horas do desastre, Raúl Morales mostra voluntários civis com membros da Marinha do México iniciando trabalhos de resgate em um edifício desmoronado.

mexico earthquake condesa

Terremoto em 19 de setembro. Imagem compartilhada por Raúl Morales, com permissão.

No Twitter, Santiago Arau anunciou que compartilharia abertamente seu trabalho:

Mídia, pessoas ou instituições podem usar minhas fotos para divulgar e informar, obtendo os arquivos originais. https://t.co/vaPXvh649A – Santiago Arau (@Santiago_Arau)  22 de setembro de 2017

Aqui, Arau mostra alguns dos cidadãos que foram às ruas para remover detritos.

Uma cadeia humana remove detritos. Imagem de Santiago Arau.

Os trabalhos de resgate nos edifícios destruídos foram realizados dia e noite, como mostra a foto abaixo, em uma propriedade no sul da Cidade do México.

Edifício caído no sul da Cidade do México. Imagem de Santiago Arau.

Outra visão do mesmo desmoronamento. Imagem de Santiago Arau.

A destruição material ainda não foi quantificada. Não só as casas foram afetadas, mas também centenas de automóveis.

19-s earthquake destroyed cars

Automóveis destruídos depois do terremoto de 19 de setembro na Cidade do México. Imagem de Santiago Arau.

“Heróis anônimos”, talvez seja a melhor maneira de descrever os cidadãos que assumiram a responsabilidade de iniciar o trabalho de resgate depois da tragédia.

Mexican heroes earthquake 19-s

Rostos cobertos dos heróis anônimos que saíram às ruas da Cidade do México. Imagem de Santiago Arau.

Esta imagem nos dá a ideia do mar de pessoas que vieram para as áreas desmoronadas, a maioria com a intenção de ajudar, outros apenas como espectadores, mas todos compartilhando dor e comoção com as cenas que estavam testemunhando.

Mexico City earthquake 19-s

Centenas de pessoas se reúnem na mesma área desmoronada após o terremoto no dia 19 de setembro na Cidade do México. Imagem de Raúl Morales, usada com permissão.

Você pode seguir Santiago Arau e Raúl Morales no Facebook.

Inicie uma conversa

Colaboradores, favor realizar Entrar »

Por uma boa conversa...

  • Por favor, trate as outras pessoas com respeito. Trate como deseja ser tratado. Comentários que contenham mensagens de ódio, linguagem inadequada ou ataques pessoais não serão aprovados. Seja razoável.