Está vendo todos esses idiomas acima? Nós traduzimos os artigos do Global Voices para tornar a mídia cidadã acessível para várias partes do mundo.

Saiba mais sobre Tradução do projeto Língua  »

Air India deixa de servir carne em voos domésticos: corte de gastos ou manobra política?

Um boeing 747-400 da Air India. Imagem de Flickr de Andrew E. Cohen. CC: BY-NC-ND 2.0

A empresa de aviação aérea nacional da Índia, Air India, a terceira maior do país, virou manchete mais uma vez ao anunciar na última semana que não servirá mais comida não vegetariana em seus voos domésticos.

A mudança anunciada é uma das muitas medidas para redução de custos tomadas pela Air India, que tem uma dívida de aproximadamente 550 bilhões de rúpias (8,5 bilhões de dólares), e ocorreu após uma decisão de dezembro de 2015 que eliminou do cardápio comida não vegetariana em voos de curta distância (até 90 minutos).

Embora muita gente acredite que aproximadamente 1 bilhão de pessoas da população hindu na Índia sejam vegetarianas, a realidade é bem diferente. De acordo com a pesquisa de base do sistema de registro (SRS) de 2014 divulgada pelo registro geral da Índia, 71% dos indianos com mais de 15 anos de idade não são vegetarianos.

O anúncio surge em um momento em que o nacionalismo hindu está crescendo no país, o que tem pressionado grupos minoritários. Não é de se espantar, então, que enquanto alguns aplaudiram a decisão da Air India, outros ficaram indignados.

Madhu Menon, um escritor de culinária e chefe de cozinha de Bangalore, reagiu no Twitter:

Somente comida vegetaria servida pela Air India.
Depois os comissários de voo falarão apenas hindi.
Em seguida, teremos que nos levantar para ouvir o hino nacional antes da decolagem.

Outros disseram:

Será que a decisão de servir apenas refeição vegetariana ajudará a Air India?? As pessoas ficarão satisfeitas com o péssimo serviço e os voos atrasados desde que a empresa ofereça comida vegetariana??

Algumas pessoas, como Krish Ashok, Namrata e o Dr. Sangeeta, defenderam a Air India:

O senso comum empresarial sugere que qualquer entidade que sofra perdas deve tentar otimizar e cortar os custos. E mais opções de comida = mais custos.

kkk! As pessoas estão revoltadas com o fato de a Air India ter abolido comida não vegetariana a fim de economizar? Que outra empresa de voo doméstico oferece comida gratuitamente?

Acho uma ótima ideia comer só comida vegetariana a bordo… Sem comentários… por que as pessoas reclamam tanto?

Já o poeta e jornalista Pritish Nandy oferece outra perspectiva:

Eu suspeito que as refeições vegetarianas servidas pela Air India não sejam uma decisão comercial. Isso parece decisão política. O lado bom é que menos animais serão mortos. Salva o mundo.

Bhargav Thantry fez uma comparação no Facebook:

Air India serves a square meal on short domestic flights but in the United States one doesn't even get a decent buy on board option, leave alone a meal which is something unheard of in the states.

A Air India serve uma refeição decente em voos domésticos curtos, mas nos Estados Unidos não existe nem a possibilidade de comprar uma refeição decente a bordo. Uma refeição completa a bordo é algo que não se vê nos Estados Unidos.

Já outros não acharam nada divertido:

Por favor, não vendam a Air India. Quem irá nos presentear com tanta idiotice? Aboliram frango para cortar gastos, misturando comida vegetariana com não vegetariana

a Air India deve rever sua decisão de só servir comida vegetariana ou deixaremos de voar com a empresa! Ela tem que seguir os padrões internacionais

De acordo com o Artigo 12 da Constituição, a Air India é um braço do Estado. Portanto, ela não pode discriminar ou agir com arbitrariedade.

O atual governo suspendeu comida não vegetariana para a classe econômica nos voos da Air India… sem nenhuma explicação… outro ato de policiamento moral…

De acordo com um executivo da Air India, a empresa gasta atualmente 4 bilhões de rúpias (62 milhões de dólares) anualmente com serviços de refeições em voos nacionais e internacionais. Essa medida representará uma economia anual de 80 milhões de rúpias (1,24 milhão de dólares) para a companhia endividada.

Resta saber se medidas como essa serão capazes de reverter as perdas da companhia aérea.

Inicie uma conversa

Colaboradores, favor realizar Entrar »

Por uma boa conversa...

  • Por favor, trate as outras pessoas com respeito. Trate como deseja ser tratado. Comentários que contenham mensagens de ódio, linguagem inadequada ou ataques pessoais não serão aprovados. Seja razoável.