Está vendo todos esses idiomas acima? Nós traduzimos os artigos do Global Voices para tornar a mídia cidadã acessível para várias partes do mundo.

Saiba mais sobre Tradução do projeto Língua  »

Newsletter sobre tradução: Quando não traduzir, gêneros em idiomas & mais!

gvlingua
Olá, GV'ers!

Bem-vindos à edição desta semana da nossa newsletter sobre tradução! Hoje nós vamos falar sobre…

Quando NÃO traduzir

Screenshot taken from http://www.nybooks.com/

Imagem original disponível em: http://www.nybooks.com/

No mundo globalizado de hoje, a comunicação e a interação entre as pessoas ficou mais fácil graças à tradução. Podemos ler livros e assistir filmes que antes não conseguiriamos quando a tradução não era tão acessível. Mas será que há casos onde é melhor não traduzir? Tim Parks investiga esta ideia em um artigo entitulado “When Not To Translate” para o New York Review of Books, onde ele questiona se a tradução de Decameron foi uma decisão correta. O que vocês acham?

A evolução dos gêneros gramaticais

Screenshot taken from https://www.babbel.com/

Imagem original disponível em: https://www.babbel.com/

Como vocês devem saber, os substantivos têm gêneros em diversas línguas. Por exemplo, em português, cadeira é um substantivo feminino, enquanto que refrigerador é um substantivo masculino. Entretanto, a língua inglesa evita essas classificações e não recorre aos gêneros para se referir a objetos inanimados ou substantivos abstratos. Mas por que as coisas funcionam assim? Marion Maurin escreveu um excelente artigo chamado “The Evolution of Grammatical Genders: Why French Has Two Genders, German Has Three, and English Just Doesn't Care” para esclarecer esse tema. Leia-o e compartilhe a sua opinião conosco? A sua língua materna usa gêneros? Quantos gêneros ela tem?

Dicas para tradutores

Screenshot taken from https://www.facebook.com

Imagem original disponível em: https://www.facebook.com

Eu não sei vocês, mas quando estou fazendo uma tradução, eu costumo pesquisar muito on-line, desde a tradução de gírias até a melhor maneira de traduzir o nome de um partido político. Pesquisas na internet são uma parte essencial do processo de tradução para mim. Carlos Djomo, tradutor do inglês para o francês e vencedor do Proz Community Choice Award for Best Translation Article de 2015 escreveu um livro chamado Search It, Find It: The Translator's Minimalist Guide to Online Search. É um recurso excelente que está disponível para pré-venda pelo Kindle por só $2.99! (Se você não tem o Kindle instalado, é possível ler o e-book em outros dispositivos baixando o Kindle.)

Maiores desafios dos tradutores

Screenshot taken from http://aclang.com

Imagem original disponível em: http://aclang.com

A melhor forma de aperfeiçoar as suas habilidades é conhecer as suas fraquezas para então trabalhar nelas. Avi Kallenbach reuniu uma lista incrivelmente útil de desafios encarados por tradutores atualmente desde a literalidade até expressões idiomátcas. Veja a lista aqui e dê a sua opinião — quais são os maiores desafios de um tradutor? O que você espera melhorar? Dependendo da quantidade de comentários, talvez nós possamos criar o nosso próprio guia GV!

Meme da semana

Só tradutor?

Imagem original disponível em: https://www.facebook.com/CulturesConnection/

—————

Como sempre, eu quero agradecer pelo trabalho árduo e pela dedicação de vocês com o GV!  Caso vocês tenham perguntas, comentários ou ideias, não hesitem em entrar em contato comigo pelo e-mail marianna@globalvoices.org.

E se esta é a primeira vez que vocês leem essa newsletter e vocês queiram fazer parte da Global Voices, queremos ouvir a sua voz aqui!