Está vendo todos esses idiomas acima? Nós traduzimos os artigos do Global Voices para tornar a mídia cidadã acessível para várias partes do mundo.

Saiba mais sobre Tradução do projeto Língua  »

Timor-Leste surpreende os internautas com a sua participação nas Olimpíadas do Rio de Janeiro

timorleste

Delegacao de Timor-leste nos Jogos Olímpicos do Rio de Janeiro de 2016. Imagem Rio2016.com, utilizada com permissão.

A abertura dos Jogos Olímpicos de 2016 aconteceu no dia 5 de agosto no estádio do Maracanã, no Rio de Janeiro. Ao quinto dia de competição, o Brasil conquistou duas medalhas e Portugal uma, no que diz respeito aos países da lusofonia.

A cerimónia de abertura despertou a atenção do mundo para a conservação da natureza e juntou várias nações num momento de festa onde, por breves instantes, se coloca de parte as rivalidades inerentes à competição e os olhares se focam apenas na união entre os países de todo o mundo. Países que fizeram questão de marcar o seu carimbo através da caracterização original do vestuário de cada uma das delegações.

Tal como Moçambique e Angola, também a delegação de Timor-Leste trajou com o seu pano tradicional, conhecido como “Tais” que é visível nas roupas dos atletas timorenses durante o desfile das comitivas.

174 TIMOR-LESTE: Bonito traje!! Espero que a assistência do estádio festeje, já que eles são camaradas das ex-colónias portuguesas.

Segundo a ciclista olímpica, Francelina Cabral – também conhecida por Anche Cabral – as roupas foram desenhadas por Rui de Carvalho, estilista Timorense que fez questão de introduzir o “Tais” ao mundo num design atual com toque timorense, “uma forma de reafirmar a nossa identidade”, disse a atleta ao Global Voices.

A emoção dos timorenses e a surpresa dos internautas

ancheA Delegação de Timor-Leste foi liderada por Anche Cabral que, nesta imagem, espelha a sua alegria com um sorriso radiante por estar nos Jogos Olímpicos enquanto transporta a bandeira de Timor-Leste.

Os timorenses reagiram com emoção quando viram a delegação do seu país a desfilar numa competição de grande dimensão como são os Jogos Olímpicos.

Na conta do Facebook do antigo Presidente da República de Timor-Leste, José Ramos-Horta – que partilhou imagens da cerimónia – Maria Pereira, reagiu da seguinte maneira:

Para mim, já são vencedores… Só aquele sorriso lindo e tão cheio de alegria…

Ofélia Vinhas, diz:

Boa sorte minha irmã, viva Timor-Leste.

E Lino Dias acrescenta:

Boa sorte a Timor Leste, estamos à espera [que] o nosso país amado (…) [mostre] o seu brilho para [o] mundo.

No Twitter brasileiro, os internautas comoveram-se quando viram a delegação de Timor-Leste a desfilar no Maracanã:

Timor-Leste nas Olimpíadas

Timor-Leste é uma pequena e jovem nação que a par e passo está a afirmar a sua identidade pelo mundo fora após décadas de sofrimento até à independência em 2002. O seu povo é conhecido pela sua “capacidade de resistir para vencer”, diz um dos líderes históricos, Xanana Gusmão.

Em 2004, Timor-Leste foi convidado pela primeira vez a participar nas Olimpíadas de Atenas, na Grécia. O país competiu com uma pequena delegação na modalidade atletismo. Agueda Amaral e Gil da Cruz Trindade foram os atletas que envergaram a camisola timorense.

Em Londres, nas Olimpíadas de 2012, Timor volta a marcar presença na competição e novamente com o atletismo. Augusto Soares (que terminou a maratona em penúltimo lugar) e Juventina Napoleão (tendo terminado em 86° lugar) foram os representantes da nação timorense. A ex-maratonista olímpica enviou a seguinte mensagem para os seus colegas timorenses:

Mensagen b  sira  katak  nudar atleta nbe reprezenta hodi ita  nia rain Doben Timor Leste b participa ih jogos  olimpicos ne tau  imi nia diciplina nudar atleta tamba liu husi diciplina imi  bele kompete ho diak liliu b  hw nia  feto maluk nain  2 francelina  cabral no nelia  Martins! Forca Timor Leste”

A minha mensagem para eles, como atletas que representam o nosso amado Timor-Leste, nestes jogos Olímpicos é a seguinte: Apliquem a vossa disciplina como atletas que são porque através da disciplina vocês poderão dar uma melhor prestação. Às minhas duas colegas, Francelina Cabral e Nelia Martins! Força Timor-Leste.

Timor-Leste marca a sua participação nestas olimpíadas com os atletas Augusto Soares, Nélia Martins e Francelina Cabral nas modalidades de atletismo e ciclismo. De acordo com a organização Rio2016, a participação do atletismo feminino está prevista para 12 de agosto, o masculino para o dia 16 e o ciclismo, Cross Country Mountain Bike, será no dia 20 de agosto.