Está vendo todos esses idiomas acima? Nós traduzimos os artigos do Global Voices para tornar a mídia cidadã acessível para várias partes do mundo.

Saiba mais sobre Tradução do projeto Língua  »

Aumento do vírus de Chikungunya nas Caraíbas

[Todos os links levam à páginas em inglês]

Chikungunya, a doença provocada por um mosquito, que causa febre e dor intensa nas articulações tem vindo a propagar-se por várias zonas das Caraíbas desde o último mês.

Os funcionários públicos na ilha de St. Martin começaram com as medidas de supervisão dos vetores para reduzir a população do mosquito aedes aegypti, que é responsável principalmente pela propagação do vírus; internautas regionais têm utilizado o Twitter para fornecer atualizações: 

Os casos têm sido também anunciados na parte holandesa da ilha:  

Outros territórios estão também a tomar precauções enquanto os casos de vírus têm sido anunciados em outras várias ilhas: 

#CURACAO: Os profissionais de saúde estão a tomar medidas para combater o vírus chikungunya após detecção na parte holandesa de St Maarten 

Barbados continua livre da doença chikungunya. Esta situação enquanto o Ministério da Saúde… – http://t.co/sQlKiKt4Pf pic.twitter.com/vCFGnRdHti
— Barbados Today (@BarbadosToday) 18 de Janeiro de 2014

Chikungunya está a propagar-se nas Caraíbas. Além de St.Matin/St, Maarten, agora em St. Barts, Martinique, Guadeloupe e BVI http://t.co/3E5HHRLUIQ

— David McFadden (@dmcfadd) 14 de Janeiro de 2014

O professor e blogger, Jeff Stratford, de American Science prognosticou que é apenas uma questão de tempo até os casos de vírus aparecerem nos Estados Unidos: 

Why do I think Chukungunya is coming to the US? The virus is carried by mosquitoes are are ubiquitous throughout the Americas. All the virus needs to get a foothold in the US is for an infected individual (say a tourist) to bring the virus back to the Americas while the virus is circulating in their bloodstream. Then an “American” mosquito can bite the infected person, pick up the virus, and the cycle starts anew. 

Porque razão eu acho que Chukungunya está a chegar aos EUA? O vírus é suportado por mosquitos que estão omnipresentes pelas Américas. Todos os vírus precisam de obter uma base de apoio nos Estados Unidos para uma pessoa infectada (diz um turista) para trazer o vírus de volta para as Américas enquanto o vírus está a circular na corrente sanguínea. Depois, um mosquito “Americano” pode picar a pessoa infectada, contrair o vírus e o ciclo começa novamente.

Desde 2005, casos de vírus foram anunciados em mais de 40 países por todo o mundo. Poderá rastrear a propagação regional da doença através do Twitter sob as etiquetas #chikungunya #caribbean.

A imagem em miniatura utilizada neste post é publicada pela .CK, utilizada sob uma licença an Attribution-NonCommercial-NoDerivs 2.0 Generic Creative Commons.  Visite CK's flickr photodtream.