Está vendo todos esses idiomas acima? Nós traduzimos os artigos do Global Voices para tornar a mídia cidadã acessível para várias partes do mundo.

Saiba mais sobre Tradução do projeto Língua  »

FOTOS: Gente da América Latina

"She laughed, laughed and laughed while she waited for interprovincial transportation. Tiraque - Cochabamba". Photo by Mijhail Calle for Humans of Bolivia.

“Ela ria, ria e ria enquanto esperava o transporte interprovincial. Tiraque, Cochabamba”.
Foto de Mijhail Calle para o Gente da Bolivia, usada com permissão.

[Todos os links apontam para páginas em inglês]

Inspirados pelo blog Gente de Nova York do fotógrafo Brandon Stanton, fotógrafos profissionais e amadores de todo o mundo estão criando blogs e páginas no facebook, onde coletam imagens e histórias de todo tipo de gente — e a América Latina não podia ficar de fora.

A ideia de Stanton inspirou fotógrafos latino-americanos a apresentarem seus países retratando através de imagens a vida cotidiana das pessoas que vivem neles.

Este é um resumo da “Gente de…” nessa região.

Gente de Buenos Aires

"He lives on the street with a friend. They have 2 mattresses, a couch and 3 chairs (one for guests). He invited me to sit down besides him, after some minutes chatting." Photo by, Shared on Facebook and used with permission.

“Venha me visitar quando quiser. Me desculpe por não poder te oferecer um mate [bebida local], mas eu não tenho onde esquentar a água.” Foto de Jimena Mizrahi, usada com permissão.

A fotógrafa independente Jimena Mizrahi começou o Gente de Buenos Aires em maio de 2012, e sua página no facebook atingiu mais de 11.000 curtidas.

Seu trabalho também chamou a atenção de um funcionário da prefeitura, o que resultou na primeira Exposição Gente de Buenos Aires. The Argentina Independent informa que a exibição ‘Micro historias del Microcentro’ apresentou retratos de pessoas que vivem ou trabalham no distrito comercial da cidade.

Jimena contou ao The Argentina Independent que fez o Gente de Buenos Aires “não só porque ama interagir com as pessoas, mas porque cada interação é uma lição. Cada pessoa é um mundo.”

"-I can't believe it! A woman cab driver! -Of course, do you think that women can't be taxi drivers? It's time to stop being surprised when women do things that aren't common for their gender, there ain't things for men or women." Photo by Jimena Mizrahi, used with permission.

“-Não acredito! Uma mulher taxista!
-Claro, você acha que mulheres não podem ser taxistas? Não é mais tempo de se surpreender quando as mulheres fazem algo incomum ao gênero, não existe esse negócio de coisa de homem e coisa de mulher.”
Foto de Jimena Mizrahi, usada com permissão

Gente da Colômbia e Gente de Bogotá

"A Wayuu girl, daughter of a restaurant owner in Uribia. We got a delicious sancocho for 3500 pesos in their restaurant after a successful hitch on the top of a water truck on our way back from Cabo de la Vela." Photo by Gábor Szentpétery, used with permission.

“Uma menina wayuu, filha do dono de um restaurante em Uribia.”
Foto de Gábor Szentpétery, usada com permissão.

O Gente da Colômbia foi criado pelo designer Maurent Roa e pelo arquiteto Gábor Szentpétery. Durante suas viagens, o casal conheceu Mauricio Romero, que se uniu ao projeto e contribuiu com algumas fotos. Enquanto viajavam, eles perceberam que muitas pessoas não sabiam muito sobre a Colômbia, ou tinham uma imagem negativa do país; o objetivo do projeto era mostrar um lado diferente da Colômbia.

“A ideia é mostrar a Colômbia através de sua gente, porque o país tem uma diversidade étnica incrível. É uma mistura de ameríndios, espanhóis e descentes de africanos, e é isso que nós queremos mostrar ao mundo,” explica Maurent.

"Carmen Lorena cresceu em uma plantação de café a três horas de Bogotá, mas ela não acha que a vida na cidade seja a ideal para ela, prefere o interior, onde vai permanecer quando terminar os estudos

“Carmen Lorena cresceu em uma plantação de café a três horas de Bogotá, mas ela não acha que a vida na cidade seja a ideal para ela, prefere o interior, onde vai permanecer quando terminar os estudos.”
Foto de Mauricio Romero, usada com permissão.

"What is your perception of love, and your favorite way to love?" -"I think that love is everything, it makes up everything that surrounds us and I'd say that my favorite way to love is...breathing".  Photo by, used with permission.

“Qual é o seu conceito de amor, e qual o seu jeito preferido de amar?”
-“Eu acho que o amor é tudo, está em tudo ao nosso redor, e eu diria que minha forma preferida de amar é… respirando”.
Foto de John Cardona, usada com permissão.

Para mais fotos da Colombia, visite o Humans of Bogotá, uma página criada em agosto de 2013 por John Cardona e Jonathan Arévalo.

John e Jonathan são motivados pelas respostas que têm recebido, e pela oportunidade de conhecer e ouvir histórias que eles podem mostrar ao mundo através da página. Eles dizem que esse movimento “mostra que todos nós podemos nos identificar com alguém, não importa o quão longe vivemos.”

"One wish? -Safety in all of Bogotá. -Equality -Tranquillity and peace"

“Um desejo?
-Segurança em Bogotá.
-Igualdade
-Tranquilidade e paz”
Foto de John Cardona, usada com permissão.

 

Gente da Bolívia

"In Sipe Sipe - Cochabamba, the man said 'take this abroad'. Then he began playing his charango." Photo by Mijhail Calle, used with permission.

“Em Sipe Sipe – Cochabamba, o homem disse ‘mostrem isso aos gringos’. E aí começou a tocar o charango.”
Foto de Mijhail Calle, usada com permissão.

Criada em 3 de novembro de 2013, Gente da Bolívia é uma das mais novas páginas que seguem o modelo do Gente de Nova York nesta região. Estelí Puente e Mijhail Calle buscam encontrar a mesma empatia que viram no Gente de Nova York e em projetos similares como o Gente de Amsterdam,“o sentimento de que a humanidade é composta por pessoas, e suas histórias.”

Apesar de Mijhail ser o responsável pela maioria das fotos, eles pedem que outros fotógrafos compartilhem suas fotos. “Esta dinâmica também está nos permitindo criar um espaço para o compartilhamento e discussão do papel da imagem na construção da nossa identidade, isso com certeza será muito mais que uma simples exposição de retratos. Queremos que seja um motivo para refletirmos sobre nós mesmos,” explica Estelí.

"There are not many amauta women, it's hard to be one, but I am. Now I'm part of the union". Photo by Mijhail Calle, used with permission.

“Não há muitas mulheres amautas, é difícil ser uma, mas eu sou. Agora eu sou parte da união”.
Foto de Mijhail Calle, usada com permissião.

Gente de Honduras

 "My biggest desire is for politicians to turn a blind eye to the colors of their parties, and for their focus to be solely on the betterment and unity of their country. This is the only way in which Honduras will be able to move forward." Photo by Claudia, used with permission.

“Meu maior sonho é que os políticos esqueçam seus partidos e olhem para o povo, e se concentrem na melhora da unidade do país. Só assim Honduras poderá avançar.”
Foto de Claudia, usada com permissão.

Claudia Elvir e Daniela Mejía “te convidam a conhecer Honduras através de sua gente” na página Gente de Honduras.

Claudia começou a seguir o blog de Stanton e ficou impressionada com o modo com que ele, não só “capturou imagens impressionantes, mas também usou-as para captar a humanidade por trás de cada imagem, e como cada fotografia contava uma história que ressoava no coração dos leitores.”

Sua amiga Daniela é que conduz as entrevistas. Claudia e Daniela querem mudar a imagem violenta e negativa que o mundo tem de Honduras, e também a maneira como os próprio hondurenhos enxergam seu país.

Através das fotos e entrevistas, Claudia e Daniela esperam mostrar uma Honduras “cheia de gente trabalhadora, gente com sonhos, ambições, alegrias e tristezas, assim como em cada esquina do mundo.”

"I asked him to smile and very amiably he said, 'I would like to, but in this job you have to be serious.' and with that he demonstrated how appearances are deceiving." Photo by Daniela, used with permission.

“Eu pedi que ele sorrisse, e muito muito amável respondeu: ‘Eu até gostaria, mas a minha profissão me obriga a ser sério.’ e assim ele demonstrou o quanto as aparências enganam.”
Foto de Claudia, usada com permissão.

Gente da Guatemala

"Slow but steady! Yes, it´s a long way to go but I will make it." Photo by Elmer Alvarez, used with permission.

“Passos lentos, mas firmes! Sim, o caminho é longo, mas eu vou mesmo assim.”
Foto de Elmer Alvarez, usada com permissão.

Elmer Alvarez já vinha fotografando o povo da Guatemala antes de criar a página Humans of Guatemala em setembro 2013. Wendy Del Aguila contou a Elmer sobre o Gente de Nova York e se sentiu motivado a criar uma página similar sobre a Guatemala.

Elmer e Wendy buscam capturar “momentos espontâneos dessa gente extraordinária, refletindo seu sorriso, paixão, curiosidade, trabalho, timidez, bondade e mais importante: sua originalidade!”

La Teacher-"Let Your Smile Change The World", photo by Elmer Alvarez, used with permission

A professora -“Deixe o seu sorriso transformar o mundo”
Foto de Elmer Alvarez, usada com permissão

Mais projetos “Gente de…”

"Every morning Don Pedro opens his taqueria in this small village for 2 years. He has the usual clients and he gives out free tacos to all the minibus drivers who stop their minibus near his stand. " Photo by Humans of Mexico, used with permission

“Todo dia pela manhã, há mais de dois anos, Don Pedro abre sua barraquinha de tacos nessa pequena vila. Ele tem clientes fiéis se sempre dá tacos de graça aos motoristas de ônibus que estacionam perto da barraca. “
Foto de Gente do México, usada com permissão

A imagem acima vem do Gente do México, uma página criada em março de 2010. Também do México, o Gente da Cidade do México busca criar um “censo fotográfico da cidade do México, mostrando uma rua de cada vez.”

Gente da Costa Rica, uma página criada em julho de 2013, já tem mais de 1.700 curtidas.

No Brasil, a página Gente do Rio é uma das mais ativas da região, com mais de 9.000 curtidas. Há também outras menos visualizadas, como a Gente de São Paulo, e a recentemente criada Gente do Piauí.

Algumas páginas do facebook, como o Gente da Nicarágua, Gente do Panamá, e Gente de Santiago, Chile- pedem as seus usuários que contribuam com fotografias. Outras, como o Gente de Quito, Gente de Lima, Gente do Perú, e Gente de Assunção – foram criadas a menos de um mês.

Esquecemos de algum projeto “Gente de …” na América Central ou do Sul? Se souber de alguma, por favor avise nos comentários!