Está vendo todos esses idiomas acima? Nós traduzimos os artigos do Global Voices para tornar a mídia cidadã acessível para várias partes do mundo.

Saiba mais sobre Tradução do projeto Língua  »

FOTOS: Showmício do principal partido opositor é atacado por polícia em Moçambique

A chegada de dois veículos com oficiais da Força de Intervenção Rápida (FIR), da Polícia da República de Moçambique (PRM), interrompeu a última passeata do partido de oposição MDM, na cidade de Beira. Foto por jornal @Verdade (CC BY 2.0)

A chegada de dois veículos com oficiais da Força de Intervenção Rápida (FIR), da Polícia da República de Moçambique (PRM), interrompeu a última passeata do partido de oposição MDM, na cidade de Beira. Foto por jornal @Verdade (CC BY 2.0)

O último evento de campanha do partido de oposição MDM pelas eleições para edil da cidade da Beira terminou com três pessoas mortas e várias feridas no bairro da Munhava, após um ataque da polícia, que lançou bombas de gás lacrimogênio e disparou balas para o ar. Entre os feridos estava o próprio filho do candidato a edil.

Quando o tumulto começou, Daviz Simango, o edil incumbente, preparava-se para subir ao palco do showmício e conclamar a multidão a votar mais uma vez no seu partido MDM (Movimento Democrático de Moçambique), que está atualmente no poder em Beira, capital da província de Sofala e a segunda maior cidade do país.

Tumultos na Beira começaram em 16 de novembro, o penúltimo dia de campanha para as eleições autárquicas em Moçambique. A votação será realizada no dia 20 de novembro de 2013. O jornal @Verdade está a fazer uma cobertura dos relatos e dos posts de cidadãos em um website especial de eleições.

"A confusão instalou-se e cidadãos tentaram fugir em pânico enquanto os agentes da FIR atiravam."

“A confusão instalou-se e cidadãos tentaram fugir em pânico enquanto os agentes da FIR atiravam.” Foto compartilhada pelo jornal @Verdade no Flickr (CC BY 2.0)

Após o ataque da força policial, a multidão ateou fogo a pneus nas vias que levavam ao bairro da Munhava, na Beira.

Após o ataque da força policial, a multidão ateou fogo a pneus nas vias que levavam ao bairro da Munhava, na Beira. (16/11/2013). Foto by Miguel Mangueze para o jornal @Verdade (CC BY 2.0)

  • jandina

    Esse acto mostra o desespero da frelimo. Sabem que o MDM já venceu as eleições.

  • jandina

    Um dia as coisas irão mudar. Moçambique sera governado pela oposição. Não falta muito tempo. Porque a frelimo ta criar condições para tal. Estão pouco se importando com o povo.