Está vendo todos esses idiomas acima? Nós traduzimos os artigos do Global Voices para tornar a mídia cidadã acessível para várias partes do mundo.

Saiba mais sobre Tradução do projeto Língua  »

Pornografia no Whatsapp Brasil: Liberdade sexual feminina em debate

Fran, uma estudante universitária de 19 anos, faz sexo oral com o parceiro de 22 anos na cidade de Goiânia. Ela se deixa filmar pela câmera do celular dele, perguntando, no ato, “quer meu cuzinho? Aquele bem apertadinho”, fazendo o sinal de OK em alusão a sexo anal. Dias depois, ele compartilha o vídeo através do aplicativo WhatsApp, “um armazem de pornografia involuntária”, onde cenas íntimas entre casais têm se espalhado indiscriminadamente por celulares no Brasil.

O fato despertou um debate em torno do julgamento moralista, machista e hipócrita que bateu em cheio na internet nos últimos dias. Através do Twitter e Instagram, centenas de pessoas postaram fotos com pose de OK e a hashtag #ForçaFran, que virou meme. Algumas delas o fazem em sinal de solidariedade, enquanto outras em uma clara tiração de sarro, como explica Manu Barem (@manubarem), editora do site Youpix:

Imagem retirada da página do Facebook “Força Fran”

Imagem retirada da página do Facebook “Força Fran”

Basta uma vasculhada nas postagens da tag #forcafran para você perceber que a maioria delas, principalmente as publicadas por mulheres, revelam um quê de “como ela foi burra e eu não sou”. (Até o dia em que você confiar num babaca ou ter suas imagens roubadas, né amiga?).

Assim, registramos um estágio novo e triste dos desdobramentos de um crime online – o machismo dominando até as iniciativas solidárias.

Até os jogadores brasileiros de futebol Neymar e Daniel Alves, que atuam no clube espanhol Barcelona, além do cantor Leonardo, postaram fotos na internet com o sinal de OK, como atesta noticiário local de Goiânia. No último sábado, dia 12, durante o jogo amistoso entre as seleções do Brasil e Coréia do Sul, na cidade de Seul, torcedores levaram cartazes com a frase “força fran”. A imagem também circulou online, demonstrando a repercussão do caso.

Além das fotos e mensagens escritas com risadas usando a sigla “KKKK”, tão comum no Brasil, os internautas também usaram da rede para opinar sobre o assunto. No Twitter, houve comentários como os seguintes:

Em apoio à Fran, a jornalista Nathalia Ziemkiewicz do site Na Pimentaria escreveu:

Lamento muito por todos os comentários grotescos e ofensivos que têm circulado na internet. Eles foram feitos pelas mesmas pessoas que acreditam que, se estava de saia curta na rua, pediu para ser estuprada. Tipo: não queria ser exposta, então não deveria ter se deixado filmar. É uma lógica machista que inverte os valores. Você é puta – e não o cara, um mau-caráter. Querida, nossa sociedade está mergulhada nos próprios pudores. Não há nada de errado no que você fez. A cretinice da história toda pertence somente àquele(a) que primeiro repassou o vídeo de um celular privado para uma rede infinitamente invisível.

Apoio à Fran Forçafran

Imagem da página Apoio Fran do Facebook

A página Apoio Fran foi criada no Facebook e já conta com mais de 30 mil curtidas. No Youtube, Andrea Benetti, uma das fundadoras de outra página do Facebook, Moça, você é machista, falou sobre o caso. Para ela, o episódio retrata como a sociedade ainda julga a mulher pela forma que ela faz sexo:

(tem o) caráter definido a partir do que ela faz na cama, como se ela perdesse o valor…ou não valesse nada, (porque) alguém viu e tem certeza do que ela faz na cama

A blogueira e escritora Nádia Lapa também refletiu sobre o assunto em seu blog Feminismo pra quê hospedado no site da revista Carta Capital:

Fran fez sexo. Coisa que a maioria de nós já fez, já quis fazer, ou continua querendo e fazendo. Qual o grande pecado dela? Sim, fazer sexo, ter desejo e expressá-lo. Simone de Beauvoir fala sobre como a sociedade encara a sexualidade feminina: “a civilização patriarcal condena a mulher à castidade; reconhece-se mais ou menos abertamente ao homem o direito a satisfazer seus desejos sexuais, ao passo que a mulher é confinada ao casamento: para ela, o ato carnal, em não sendo santificado pelo código, pelo sacramento, é falta, queda, derrota, fraqueza. Ela tem o dever de defender sua virtude, sua honra; se “cede”, se “cai”, suscita o desprezo; ao passo que até na censura que se inflige ao seu vencedor há admiração”.

Depois de tanta exposição, Fran se afastou da loja onde trabalhava e prestou queixa contra o rapaz na Delegacia Especializada em Atendimento à Mulher de Goiânia. O rapaz pode pegar de 3 meses à 1 ano de prisão por difamação se enquadrado na Lei Maria da Penha. No entanto, ele se negou a entregar o celular à polícia e permaneceu em silêncio durante o interrogatório. Ele ainda negou que tenha sido o autor dos vídeos.

  • Sidney

    Acho uma tremenda mulecagem, o homem transar com uma mulher e após filmar compartilhar com as pessoas. Mulheres escolham homens de verdade, não muleques, pois um verdadeiro homem jamais publicaria um vídeo intimo para se vangloriar com os amigos, para provar que consegue uma menina. O cara que é homem não precisa disso para provar nada, porque ele sabe que tem condições e auto-confiança para conquistar a mulher que deseja, e isso todos ao seu redor sabem, não precisa ele tá revelando suas intimidades.

    • Thais Franzoni

      Este discurso de “mulheres, escolham homens assim ou assado” ainda é machismo! Nós não temos culpa da babaquice alheia. Os homens são falsos, demora muito pra sabermos se é homem ou criança, e ainda assim, tem uns que se transformam em determinadas situações.

      • Sidney

        Thais, ingenuidade da sua parte dizer que a mulher não sabe com quem tá lidando desde o principio. É não é machismo da minha parte não, pois tem mulheres que sabem que o cara não vale nada isso já está bem na cara ( isso diante das atitudes do individuo) e mesmo assim querem se relacionar com esses tipos de pessoas. Vou te dar um exemplo, minha irma: Trabalha tem a vida dela não precisa de ninguém e foi se relacionar com um presidiário que está respondendo processo em liberdade, o crime dele foi assalto a mão armada. Todos da minha família disseram -afaste-se desse cara pois você está arrumando sarna pra se coçar, cuidado ! Resultado: ele deu um murro no olho dela que ela quase não conseguia enxergar de tão inchado que o olho dela estava, e você acha que ela largou ele ? foi para o posto de saúde tratou o inchaço, ficou uns dois dias na casa dos meus pais e depois foi pra casa do Marginal, depois dele procurar ela pedir desculpas e blá blá blá. E esses tipos de casos específicos não é a primeira vez, nem a segunda e nem será a última que irão acontecer. Agora pergunto-lhe: É machismo de minha parte ? quando um não quer dois não brigam ! se a mulher disser não ao cara, acabou ! a mulher tem que se preservar e se valorizar e esse discurso de que homem é tudo falso é uma tremenda generalização infundada de sua parte.

        • Thais Franzoni

          Eu concordo em partes com vc Sidney. Há sim, casos óbvios, como este que citou. Mas as situações são muito traiçoeiras. Não imagino que este ex namorado da Fran demonstrasse ser um idiota, pois nenhuma mulher se deixaria filmar por alguém que desse indícios de que espalharia. Eu mesma, certa vez, namorei um homem ‘de bem’, por 1 ano e meio, engenheiro, responsável, amoroso. E na nossa última briga ele me agrediu. Não dá pra saber o que vai acontecer. Em casos óbvios como de presidiários, ou esses meninos muito jovens, ou algumas pessoas que se encaixam neste tipo de estereótipo sim, mas qualquer cara pode se transformar num idiota. Só quem se relaciona com homens sabe como é difícil.

          • Raian Junior Carvalho

            Eu discordo que todos o “meninos jovens” são moleques sem mentalidade!!
            ja vi jovens, jovens mesmo, com mais responsabilidade que muito velhos e homens de meia idade!! e Mulheres tambem que não vale o pão que comem!!

        • Juliany Nascimento Silva

          Olha só… tá aí um cara que acha que nunca foi corno… E nunca foi enganado pelo cara que conserta a máquina de lavar, ou o mecânico. Que nunca ninguém pregou uma mentira. Esse cara é foda, né?

          A gente vê de tudo, né?

          • rgslemer

            Que nível baixo o teu hein Juliany..como dizer que a Fran é inocente comparando com seu nível ? Mulheres como você envergonha outras que tem moral e descrição. Sendo sincero com uma mulher como você nem ereção eu teria.

          • Juliany Nascimento Silva

            Oi??
            Nível baixo o quê? Falar de CORNO? Te serviu como gatilho pra alguma dor, é isso? Já foi CORNO?
            E qual o meu “nível”? Falar palavrão? FODA? Além de não poder fazer, não pode falar?
            Não duvido que você não teria uma ereção comigo. Aliás, mal deve ter com a sua parceira. Homem que vem xingar mulher é porque, no fundo, gosta mesmo é de homem.

          • rgslemer

            Nunca fui corno, mas se fosse acho que mal caráter não seria o corno e sim que corneia o outro, mas julgando pelo teu caráter cornear alguém parece glorioso. Quanto a minha vida com minha namorada pergunta a ela, pois ela é livre para ir e ficar comigo, se esta comigo é porque esta satisfeita. E por favor se não tem algo útil para escrever não me responda, assim você poupa o meu e o seu tempo. Você é uma mulher ( será ??) broxante, nem tarado resolve teu problema.

          • Juliany Nascimento Silva

            Da onde tu conclui que falta de sexo é resposta pra problema por falta de caráter, convivendo com a tua mãe?
            (Só curiosidade, tenho meu lado antropóloga que adora estudar babaca).

          • Juliany Nascimento Silva

            E uma curiosidade: o Sidney é teu amante ou algo assim, pelo teu esforço em defendê-lo? Achei que o fato de eu ter usado a palavra “corno” que tinha sido o gatilho pra sua comoção, mas agora pensando melhor…

  • Daniel Pedro Cl

    mude a democracia deixe ela postar

    • Vitorhugo

      oque faltou a vagabundas como essa foi uma surra, do pai e do namorado, graças a cachorras como ela, que hoje menina de 7 anos sai na rua dançando o funk porno pedindo pra transar na net ela faz tudo , na rua ela apanha, coitada dela se um conservador alemão ver isso vai ficar de olho roxo, sou contra a violencia, mais as vadias das mulheres brasileiras passarm de todos os limites, não respeitam crianças,não respeitam ninguem oque falta é surra e leis mais pesadas aqui no japão essa vagabunda iria pegar uma cana da brava, passar uns 7 meses algemada para re-pensar nas atitudes de puta que ela tem, não ligo se as brasileiras querem ser vadias, comer fezes fazer sexo com cachorro, cavalo etc isso é problema delas, mais ninguem é obrigado a aceitar nem a conviver que esse tipo de animal dentro da sociedade

  • laila

    isso thais

  • Jailyson Junior

    O cara é um babaca mais ela tbm vacilou , o cara não era nem namorado dela o cara era casado então ela já tava toda errada envolvendo numa situação que não tinha futuro. O cara deveria ser responsabilizado e no minimo ser processado e pagar indenização por danos morais

  • Rogerio Vieira

    Entendo que se ela se deixou,não deveria ligar para isso, não entendo isso de exposição,transar não é legal?Então qual o problema de outras pessoas verem,não acho que ela é sem caráter,entendo que ela gosta de chupar,de dar o cuzinho ,eu não acho que chupadinha é errado eu chupo minha esposa sempre,não curto sexo anal,mas tenho uma vida sexual maravilhosa e vigorosa,apesar de não achar essa menina uma vagabunda,penso que muitos gostaram de ver e de curtir,os comentários sempre serão idiotas de quem é idiota,porque filmar e colocar na internet é crime,qual o problema? Penso que há contradição,pois se transar com qualquer um é normal,porque reclamar de ser exposta ,se pensa que realmente é normal então assuma e diga eu chupo mesmo e gosto de dar o cuzinho.Fran vc não é vagabunda vc é uma pessoa que gosta de chupar e eu tbm gosto chupo direto minha esposa,amo que ela tbm me chupe a chamo de gostosa e falo sacanagem com ela quando estou transando ela mete muito,mas se alguém,me filmasse eu iria tirar maior onda porque eu e ela metemos muito eu nunca permitiria que me gravassem com ela transando ,mas se fizessem isso sem eu saber e postassem eu iria tirar onda. Sou evangélico,sou monogâmico,amo fazer sexo,amo minha esposa,e pronto e quem ver eu transar vai gostar muito,eu não divulgaria mas divulgou é lucro.

  • Guilherme Schuquel

    acho que é vacilo dos dois

  • rgslemer

    Ele colocou uma arma nela e obrigou a fazê-lo ? Deixem de ser preconceituoso, idiotas e hipócritas. Se ela se deixou filmar é porque sabia que iria ser exposta. Ela falou no vídeo bem qual é o nível dela e quem ela é : uma puta . Ambos são idiotas. Quem sai na chuva sabe que pode se molhar. Vamos virar a pagina e proteger pobres, pessoas excluídas que necessitam de ajuda. Não esses dois. Além de tudo estes jogadores de futebol, cantores idiotas que são mesmo a cara do Brasil e mostra bem porque nosso país vai tão mal em tudo.

  • Roni Souza

    087 88291502 mim add em grupos