Está vendo todos esses idiomas acima? Nós traduzimos os artigos do Global Voices para tornar a mídia cidadã acessível para várias partes do mundo.

Saiba mais sobre Tradução do projeto Língua  »

Artistas brasileiros juntam-se à conservação de leões no Quênia

Leo Vultus de Murillo Martins para a campanha Run4Run4Lions.

Leo Vultus de Murillo Martins para a campanha Run4Run4Lions.

Depois da publicação coletiva #sobreontem, em apoio ao movimento que iniciou os protestos de junho passado em São Paulo, artistas brasileiros estão agora juntos em uma nova causa. Dessa vez, os desenhos estão voltados contra a matança de leões em Samburu, no Quênia.

Nativos da região estão usando veneno e outras armadilhas contra leões que atacam suas cabras. Para conscientizar a população sobre o problema, em 2010 o projeto Ewaso Lions organizou uma meia-maratona com o objetivo de “neutralizar conflitos entre humanos e a vida selvagem, envolvendo a comunidade local na conservação dos leões”. Para os organizadores, parte da solução para o problema está na existência de mais cabras em liberdade, por isso, na primeira edição, em 2010, o prêmio da corrida foram cabras.

Agora o projeto está preparando a sua próxima edição com a campanha de crowdfunding #Run4Run4Lions [en], que angaria fundos para a edição da meia-maratona de 2014. As artes originais dos artistas brasileiros (algumas já esgotadas) são oferecidas como recompensa a quem apoiar o projeto.

Conheça a campanha: