Está vendo todos esses idiomas acima? Nós traduzimos os artigos do Global Voices para tornar a mídia cidadã acessível para várias partes do mundo.

Saiba mais sobre Tradução do projeto Língua  »

Snowden Esconde-se em Hong Kong, diplomacia entre os Estados Unidos e a China em foco

É como um filme de Hollywood: um ex trabalhador da CIA divulga documentos altamente secretos e procura refúgio em solo inimigo, somente para desaparecer do público quando o escândalo rebenta.

Edward Snowden, um especialista informático americano de 29 anos de idade, revelou-se recentemente como sendo o informador anónimo que divulgou [en] os detalhes da abrangente monitorização de telefones e Internet por parte do governo dos Estados Unidos. Snowden encontrava-se escondido há cerca de três semanas num hotel em Hong Kong antes de ter supostamente [en] deixado o hotel a 10 de Junho de 2013. Acredita-se [en] que Snowden ainda se encontre em Hong Kong mas o seu paradeiro exacto contínua incerto.

As divulgações explosivas de Snowden coincidiram [en] com a visita de dois dias do presidente chinês Xijinping aos Estados Unidos, com o intuito de aumentar a afinidade com o presidente Barack Obama. Antes de Xi deixar Pequim, a mídia especulou que os Estados Unidos iriam pressionar a China nos assuntos relativos a espionagem cibernética que tem incomodado as duas nações durante meses. Os Estados Unidos afirmam [en] que a China tem repetidamente efectuado espionagem cibernética e tem tido como alvo empresas americanas e agências governamentais, uma acusação que a China tem negado [en] firmemente.

Um perito foi mencionado [en] pelo jornal The Wall Street Journal dizendo que, a saga pode ajudar Pequim a ganhar mais consideração política. Entretanto, o frenesim da mídia em torno de Snowden criou uma onda de nacionalismo na comunidade de blogs na China, com muitos netizens a verem a vasta intrusão do governo dos Estados Unidos como uma chance de contra-ataque.

 Edward Snowden, who leaked US surveillance programs, talked to Guardian newspaper  Screen grab from Youku

Edward Snowden, divulgou o programa de vigilância dos Estados Unidos, falou com o jornal Guardian. Imagem retirada do YouTube [en]

Yang Rui, locutor no canal inglês da televisão nacional chinesa CCTV, comentou [zh] no serviço de microblogging popular da Sina Weibo:

中国政府咋办?一位年轻有良知的美国人需要帮助!BBC披露:前中情局雇员Snowden 说美政府可随意监听千万计的世界任何人的电话,监看任何人的电子邮件,美国NSA国家安全署可以进入九大网络公司服务器如脸谱,谷歌和雅虎。目前29岁的 Snowden滞留香港,他面临被引渡回国。美指责中国搞IP偷窃,它自己呢?

O que deveria o governo chinês fazer? Um consciencioso jovem americano precisa de ajuda! De acordo com a BBC: Antigo empregado da CIA afirma que o governo americano consegue monitorar sempre que queira milhões de telefonemas e correios electrónicos em qualquer parte do mundo. A NSA consegue aceder aos servidores de nove empresas de Internet como o Facebook, o Google, e o Yahoo. Snowden, de 29 anos, permanece agora em Hong Kong, enfrenta uma provável extradição. Os Estados Unidos acusam a China de roubo de IP, e os Estados Unidos, são acusados de quê?

Zhang Jiang, um professor de jornalismo na Universidade de Estudos Estrangeiros de Pequim, escreveu [zh] na sua conta do Weibo:

Edward Snowden的举动不止于载入新闻史,他以公开身份揭露美国官方应该增加了自己的安全系数。美国政府即便以“反恐”为由,也不能如此监控大量公民电话和电邮通信,其他国家也要引以为戒。

O que Edward Snowden fez entrará para a história do jornalismo, o passo em frente que deu ao revelar o que o governo dos Estados Unidos [fez] deveria deixa-lo mais seguro. Mesmo em nome do anti-terrorismo, o governo dos Estados Unidos não está numa posição em que possa lançar uma monitorização em larga escala dos telefonemas e correios electrónicos dos cidadãos, outros países deveriam tomar isto como exemplo.

Fan Haito, uma estudante chinesa da Universidade de Colômbia nos Estados Unidos, resumiu [zh] a natureza de ambas as partes do debate:

美国人Edward Snowden目前跳出公然揭秘美国政府对电话、网络和电子邮件的监控目前让政府又处在“是否违宪”的风口浪尖。看了电视新闻,主要观点分为两派。国会议员认为政府监控没有问题,有法庭的监视并且监控的电话只出现时间没有名字。但是另一边观点认为,即便是监控也应该举办听证会,让公众决定。

Edward Snowden, um cidadão americano, revelou que o governo dos Estados Unidos tem monitorizado os telefonemas, a Internet e os correios electrónicos, o governo enfrenta agora uma tempestade de criticismo sobre violação constitucional. Após ter assistido as notícias na TV, descobri que existem dois lados. Os membros do Congresso acreditam ser aceitável que o governo se encarregue da vigilância, é supervisionada pelo tribunal e além disso, as chamadas monitorizadas contêm a hora da chamada e a sua duração, não os nomes. O outro lado reivindica que deveria haver audiências sobre a vigilância, para o público puder decidir.

Um estudante afirmou [zh] sem rodeios e em defesa do Estados Unidos:

有些国家用于反恐怖,有些国家用于侵犯人权,民主国家,公共信息很难用于造恶,专制国家,窃听公众信息是为了更好的专制。

Alguns países utilizam a [vigilância] para fazer frente ao terrorismo, outros países utilizam-na para violar os direitos humanos, informação pública em países democráticos raramente é utilizada com mau intuito, estados autoritários, por sua vez, utilizam-na para conseguir mais autoritarismo.

Outros, como Ahua de Yisaka Dao [zh], perguntam porque é que Snowden foi parar a Hong Kong:

我俩讨论了很久Edward Snowden的事情,这真是堪比大片的情节,觉得他选择来香港太诡异了,难道他真的不知道香港早已不是真正的自由港,而是被中共控制的吗?向来只有中国人去美国申请政治避难,要是现在来一个美国人向中国政府申请政治避难,这件事就精彩了。。。。

Discutimos o caso de Edward Snowden extensivamente, parece um enredo de um êxito de bilheteira! É a meu ver estranho que ele tenha vindo para Hong Kong, será que ele não sabia que Hong Kong já não é uma Hong Kong livre, ao invés é agora controlada pelo Partido Comunista Chinês? Só escutamos acerca de chineses em busca de asilo político nos Estados Unidos, seria interessante se um americano pedisse asilo político ao governo chinês…

Lygiu Luwei, uma conhecida jornalista da TV que tem 2,7 milhões de seguidores  no Weibo, escreveu [zh]:

对Snowden来说,香港安全吗?如果在港申请政治庇护,会有漫长的审查时间,这段时间内,申请人可以合法居留,但是不能工作。媒体都在找他,千辛万苦找到一家酒店,结果被告知,一个叫这个名字的人今天退房了。去哪儿了?重庆大厦吃咖喱?

Será realmente seguro para Snowden estar em Hong Kong? Se ele procurar asilo político aqui, terá que esperar por um longo tempo pelos procedimentos necessários, dentro deste tempo, poderá ficar legalmente, mas não poderá trabalhar. A mídia estava à sua procura, finalmente encontraram o hotel [onde ficou], mas foram informados que uma pessoa com o seu nome já tinha deixado o hotel. Aonde é que ele foi? Será que está a comer caril na mansão de Chongging?

O Guardian [en] e o Washington Post [en] publicaram a história do programa de espionagem dos Estados Unidos no dia 6 de Junho de 2013 sem mencionarem o seu nome como a fonte da informação, mas mais tarde Snowden auto denominou-se como a pessoa por detrás das divulgações. Numa vídeo reportagem [en] publicada online, Snowden comentou ter escolhido refugiar-se em Hong Kong devido ao seu “empenho para com a liberdade de expressão e o direito a dissidência política”.

Hong Kong é uma antiga colónia britânica, que foi voltou a ser regida pela China em 1997. Sob o tratado de extradição que a cidade ilha tem com os Estados Unidos, Snowden ainda se arrisca a ser deportado e processado. O governo chinês ainda não comentou sobre o assunto devido a um feriado de três dias.

Contudo, os pontos de venda de jornais chineses já pegaram na história bombástica, filtrando a referência de Snowden sobre Hong Kong como um local de “liberdade de expressão”. Na China continental, a censura da Internet é uma coisa normal e legiões da chamada polícia da Internet [en] são incumbidas da tarefa de monitorizar o conteúdo político mais fervoroso.

Por isso, não é surpreendente que enquanto muitos netizens chineses louvem Snowden, alguns puderam comentar que ele fugiu para o local errado, insinuando que as políticas rígidas de Pequim estão a exercer um maior controlo sobre Hong Kong. O antigo director do Google chinês, Kaifu Lee, elogiou [zh] Snowden no Weibo:

观看了Snowden的采访后(http://t.cn/zHT8ZsQ)[en] ,我佩服他的原则性和价值观,鄙视美国Prism计划。但是他确实触犯了美国法律(泄露国家机密)。所以最合适的结局可能就是得到政治庇护了(冰岛?)。

Após ter visto a entrevista de Snowden [en], admiro os seus princípios e valores e desprezo os programas Prism dos Estados Unidos. No entanto, Snowden violou as leis americanas (ao divulgar um segredo de Estado). Na melhor das hipóteses ele conseguiria asilo político (na Islândia?).

Um netizen chamado Fengmao Lingjiao escreveu [zh]:

选错了地方。在一个人性价值观沦落的地方寻求庇护,其结果就是被当作筹码出售。大陆是BOSS,BOSS是无节操的原始商人,有杀戮与买卖的传统。兔死狗烹,鸟尽弓藏的“交易理念”,一直在被执行:曾经的地主,曾经的右派。。

[Ele] escolheu o local errado. Buscar asilo num local onde a humanidade está em declínio e o valor a ser deteriorado. O resultado seria que [ele] fosse utilizado com uma ferramenta. O continente é o patrão, o patrão é um homem de negócios bárbaro sem escrúpulos, tem tradições de chacina e jogos [sujos]. A filosofia de “deitar fora depois do serviço estar feito” prevalece: [O governo] foi em tempos o senhorio e de direita.