Está vendo todos esses idiomas acima? Nós traduzimos os artigos do Global Voices para tornar a mídia cidadã acessível para várias partes do mundo.

Saiba mais sobre Tradução do projeto Língua  »

Moçambique: Ativista Benilde Nhalivilo retira candidatura a órgão eleitoral

Falta de transparência e profissionalismo ao selecionar candidatos, além de tendência em pré-determinar quem asumirá os cargos da instituição. Esses foram os motivos apontados pela ativista de Direitos Humanos, Benilde Nhalivilo, para desistir de candidatura à uma vaga na Comissão Nacional de Eleições (CNE) de Moçambique, órgão responsável em supervisionar as eleições no país. As informações são do jornal A Verdade.