Está vendo todos esses idiomas acima? Nós traduzimos os artigos do Global Voices para tornar a mídia cidadã acessível para várias partes do mundo.

Saiba mais sobre Tradução do projeto Língua  »

Vídeo: Cinema Sociológico Reúne Vídeos para Uso em Aula

Vídeos disponíveis on-line estão sendo usados por instrutores de sociologia na Universidade de Maryland para ensinar conceitos básicos de sociologia e ilustrar as aulas. Em The Sociological Cinema [Cinema Sociológico, em inglês], Valerie Chepp, Paul Dean e Lester Andrist editam e publicam posts com videoclipes com etiquetas e referências para que outros instrutores de sociologia possam usar vídeos e venham a tornar suas aulas mais interessantes sem ter que gastar tempo extra para tentar encontrar o vídeo certo para um conteúdo específico.

Em sua página no Facebook [en], eles explicam:

The idea of The Sociological Cinema came to us over the course of several conversations in which we repeatedly found ourselves discussing our use of video clips in the classroom. Our experiences in the classroom taught us that videos were highly effective at illustrating course concepts and theories, supplementing analyses found in course texts, and keeping students more engaged. With our experiences confirmed by scholarship on teaching and learning, the pedagogical case for using video in the classroom was overwhelming.

A ideia de fazer o The Sociological Cinema desenvolveu-se ao longo de várias conversas quando, repetidamente, nos víamos às voltas com discussões sobre o uso que fazíamos de videoclipes na sala de aula. Nossas experiências em sala nos ensinou que vídeos são altamente eficientes para ilustrar os conceitos e teorias do curso, para subsidiar as análises encontradas nos livros-textos e para manter os alunos mais envolvidos. Depois de comprovarmos nossas experiências por meio de estudos acadêmicos sobre ensino e aprendizagem, a prática pedagógica de usar vídeo em sala de aula tornou-se poderosa.

Videoclipes ou vídeos não têm, necessariamente, de ser curtos: este exemplar de 50 minutos de duração, o documentário da Al Jazeera sobre o Levante no Bahrein [en], é sugerido como introdução [en] ao estudo dos movimentos sociais e para “acompanhar a evolução e as consequências de táticas de estado direcionadas à supressão das manifestações – tanto as violentas quanto as não-violentas.”

No caso do estudo da globalização, da injustiça e da vida em comunidades, sugere-se o uso deste próximo videoclipe intitulado A Terra em Miniatura:

Given that large numbers can be difficult to put into perspective (and thus important information about the world runs the risk of becoming meaningless or unremarkable), this video illustrates for students how the global community fares on such indicators as hunger, religious affiliation, literacy, wealth, education, government expenditures, among many others. The clip is not only useful for helping students understand global inequality and differences, but it also reminds students of the enormity of their own social privilege relative to the majority of the world.

Devido ao fato de que números elevados podem vir a ser complicados para se colocar em perspectiva [en] (e, sendo assim, informações importantes sobre o mundo correm o risco de se tornar inexpressivas e sem sentido), este vídeo ilustra para os alunos como a comunidade global se sai em relação a indicadores como fome, filiação religiosa, letramento, riqueza, educação, despesas governamentais, entre muitos outros. O clipe não é somente útil para ajudar os estudantes a entender as injustiças e diferenças globais, mas também faz lembrar aos estudantes a enormidade de seu próprio privilégio social quando comparado à situação da maioria das pessoas no mundo.

Filmes são também fontes para videoclipes, como este de um minuto de duração inspirado no Up In the Air [Amor sem Escalas, em inglês], com George Clooney no papel principal, e que serve para ilustrar a questão dos estereótipos [en]. O Cinema Sociológico também fornece sugestões adicionais de material de leitura para acompanhar as lições.

Este clipe mostra a comediante Anita Renfroe [en] dizendo as frases que uma mãe tipicamente diz a seus filhos ao longo de um dia [en], tendo ao fundo a música de abertura da Ópera Guilherme Tell do compositor italiano Rossini. Na sala de aula, os alunos de Sociologia podem, primeiro, listar as expectativas em relação ao papel social das mães e depois discutir os papéis sociais que de fato elas desempenham, além de focar nas expectativas de desempenho de papel social dos pais, relativas à discussão de gênero.

Além de ser um repositório para os vídeos, o sítio na internet também é uma fonte para orientações didáticas e para compartilhar experiências de ensino de sociologia. Em An Online Video Assignment (Fun to Grade!) [Uma Tarefa para Vídeo On-line (Divertida de Avaliar!), em português], instrutores sugerem virar a mesa para os alunos, pedindo que eles procurem por vídeos para categorizá-los e etiquetá-los, como forma de colocar em prática seu conhecimento:

 In the process, students do the same analytical exercise that we do in the classroom with clips found elsewhere on this site. The learning outcomes are for students to 1) become familiar with using and applying sociological concepts; 2) use their sociological imagination to engage familiar content; 3) teach each other through the course blog; and 4) become more critical media consumers. The upside for me is that I have interesting and engaging assignments with which I can evaluate them (of course, the videos must be short to make this a time effective exercise to grade).

Ao longo do processo, os alunos realizam o mesmo exercício analítico que fazemos na sala de aula com clipes encontrados em outras partes deste sítio. Os resultados de aprendizado são para que os alunos 1) se familiarizem com o uso e a aplicação de conceitos sociológicos; 2) usem sua imaginação sociológica para fazer uso de conteúdo familiar a eles; 3) ensinem uns aos outros por meio do blog do curso; e 4) tornem-se consumidores de mídia mais críticos. O ponto alto para mim é que eu acabo tendo tarefas interessantes e envolventes para avaliá-los (logicamente, os vídeos têm que ser curtos para tornar o exercício mais eficaz em termos do tempo necessário para avaliá-los).
A imagem usada para ilustrar o post é Amo el Cine [Amo o Cinema, em espanhol] de Román Soto CC-by

Inicie uma conversa

Colaboradores, favor realizar Entrar »

Por uma boa conversa...

  • Por favor, trate as outras pessoas com respeito. Trate como deseja ser tratado. Comentários que contenham mensagens de ódio, linguagem inadequada ou ataques pessoais não serão aprovados. Seja razoável.