Está vendo todos esses idiomas acima? Nós traduzimos os artigos do Global Voices para tornar a mídia cidadã acessível para várias partes do mundo.

Saiba mais sobre Tradução do projeto Língua  »

Brasil: Ato Mundial Contra Belo Monte em Fotos e Vídeos

Este post faz parte de nossa cobertura especial Floresta em Foco: Amazônia.

Nos últimos dias, de 19 a 22 de agosto de 2011, um ato mundial contra a usina Belo Monte aconteceu em várias cidades do Brasil e em algumas cidades mundo afora. Apesar do início das obras da usina, pessoas têm se manifestado na Internet e nas ruas em defesa dos povos da região do Xingu, no estado brasileiro do Pará, e em defesa do meio ambiente. Neste post, agregamos algumas fotos e vídeos dos protestos mundo afora.

São Paulo, a maior cidade do Brasil, foi palco do maior protesto, que aconteceu na avenida Paulista e contou com a presença de integrantes dos grupos indígenas que serão afetados pela barragem da usina hidrelétrica. Raphael Tsavkko, autor do Global Voices, também esteve na marcha de São Paulo. Ele tuitou (@Tsavkko) suas impressões e fotos do protesto durante toda a tarde:

"Xingu Vivo - Belo Monte Não!" - Foto de Raphael Tsavkko no Flickr, publicada com permissão.

"Xingu Vivo – Belo Monte Não!" – Foto de Raphael Tsavkko no Flickr, publicada com permissão.

Os ânimos esquentaram em São Paulo, e alguns índios queimaram um boneco chamado de “Dilma”:

Manifestantes marcham e queimam uma efígie em protesto contra a construção da usina de Belo Monte. Sao Paulo, Brasil. Foto de Cris Faga, copyright Demotix (20-08-2011)

Manifestantes marcham e queimam uma efígie em protesto contra a construção da usina de Belo Monte. Sao Paulo, Brasil. Foto de Cris Faga, copyright Demotix (20-08-2011)

O Movimento Brasil pela Vida nas Florestas publicou em seu blog dois links de álbuns com fotos do protesto: o Flickr de Luanda Francine e o Picasa de Verena Glass.

A Polícia Militar divulgou estimativas de que pelo menos 800 pessoas participaram do protesto de São Paulo. Confira um vídeo do protesto na cidade, publicado no Youtube pelo usuário Dhirak:

A Rede Brasil Atual fez a cobertura do protesto em Belém, capital do estado do Pará, onde é prevista a construção da usina de Belo Monte no rio Xingu. Confira aqui as fotos de Danilo Ramos da marcha, que passou pelo famoso Mercado Ver-o-Peso e áreas do centro histórico da cidade.

Em Altamira, município do Pará que vai receber a hidrelétrica, o protesto aconteceu um dia antes, na sexta-feira, dia 19 de agosto. Karen Hoffman publicou em sua página do Flickr 15 fotos desse protesto.

O protesto de Fortaleza, no estado do Ceará, foi uma marcha na área comercial do centro da cidade. Por meio dos cartazes e de palavras de ordem, os manifestantes protestaram contra a usina de Belo Monte e também contra o projeto do novo Código Florestal:

Marcha contra a usina de Belo Monte em Fortaleza, Brasil. Foto do autor.

Em Brasília, capital do país, manifestantes dançaram e entoaram cânticos de exaltação à floresta, em descampado próximo aos prédios dos ministérios do governo federal. Confira o curto vídeo publicado pelo usuário FSPompeo2:

No dia 22 de agosto, aconteceu mais um protesto no Rio de Janeiro, em frente à sede do Banco Nacional de Desenvolvimento (BNDES),  anunciado no site da organização Xingu Vivo, para que o governo não faça uso de recursos públicos para a construção da barragem e da usina.

Pensando no local, protesto global

No Dia Internacional pela Defesa da Amazônia [en], 22 de agosto, os protestos contra a construção de Belo Monte tomaram proporções globais. A organização internacional Survival, dedicada à proteção dos povos indígenas, publicou um artigo [en] com fotos de diversas cidades do mundo, como essa de Londres:

"Dezenas de pessoas se manifestaram contra a usina de Belo Monte em frente à Embaixada brasileira em Londres hoje (22 de agosto)." Imagem © Survival

"Dezenas de pessoas se manifestaram contra a usina de Belo Monte em frente à Embaixada brasileira em Londres hoje (22 de agosto)." Imagem © Survival

A organização Xingu Vivo divulgou por seu perfil no Twitter o vídeo do protesto contra Belo Monte que aconteceu em Paris, na França:

Nos Estados Unidos, ativistas de São Francisco também fizeram suas vozes ouvidas:

Protesto em frente ao Consulado brasileiro em Sao Francisco, E.U.A. Foto de International Rivers no Flickr (CC BY-NC-SA 2.0)

Protesto em frente ao Consulado brasileiro em Sao Francisco, E.U.A. Foto de International Rivers no Flickr (CC BY-NC-SA 2.0)

Protesto em frente ao Consulado brasileiro em Sao Francisco, E.U.A. Foto de International Rivers no Flickr (CC BY-NC-SA 2.0)

Protesto em frente ao Consulado brasileiro em Sao Francisco, E.U.A. Foto de International Rivers no Flickr (CC BY-NC-SA 2.0)

Também no México, um movimento itinerante de ativistas pela “água e paz” (#CaravanaTemaca) se manifestou [es] em frente ao Consulado do Brasil em Guadalajara “em solidariedade com a jornada de luta contra Belo Monte”, com a intenção de entregar uma carta [es] ao Cônsul “exigindo respeito pelos direitos humanos dos povos ameaçados”:

Foto de Sididh / Prodh (Sistema integral de Información en Derechos Humanos del Centro Prodh) no Twitpic (@Sididh).

Foto de Sididh / Prodh (Sistema integral de Información en Derechos Humanos del Centro Prodh) no Twitpic (@Sididh).

Este post faz parte de nossa cobertura especial Floresta em Foco: Amazônia.

4 comentários

  • Segundo o Ministério Público Federal a usina de Belo Monte não pode ser construída, a remoção dos povos indígenas de seu habitat original é inconstitucional logo seria rasgar a carta magna.

  • nice gonçalves

    tirar um povo de sua terra é, acabar com sua história de varias geraçoes….. e alem do mas belo monte é uma destruiçao ao meio ambiente…..

  • ARLIENE STEPHANIE MENEZES

    Belo Monte de Besteiras! Belo monte de problemas! Não aguento mais tanta babaquice, o que dá raiva é q a globo bota como sendo um grande avanço pro Brasil. Pense num avanço, modificar a vida dos poucos indígenas que ainda restam no Brasil, no lugar de andar de mãos dadas com esses povos e aprender com eles. E ainda colocando q este tipo de energia é super moderna, a 3° maior hidrelétrica. Uma energia do século retrasado, quando na verdade já devíamos ter termelétricas, pq sol é o q não falta nessa terra. Animais e a floresta vão morrer nas novas estradas q estão sendo abertas. Que é isso hein! País de gente alienada! ACORDA BRASIL!!!

  • pedro raphael kunzler

    usar energia termelétrica é um erro porque libera muito gás carbônico no ar, então devemos usar a energia hidrelétrica poque se usarmos energia hidrelétrica podemos produzir muito mais energia, como a usina de itaipu

Junte-se à conversa

Colaboradores, favor realizar Entrar »

Por uma boa conversa...

  • Por favor, trate as outras pessoas com respeito. Trate como deseja ser tratado. Comentários que contenham mensagens de ódio, linguagem inadequada ou ataques pessoais não serão aprovados. Seja razoável.