Está vendo todos esses idiomas acima? Nós traduzimos os artigos do Global Voices para tornar a mídia cidadã acessível para várias partes do mundo.

Saiba mais sobre Tradução do projeto Língua  »

Espanha: Milhares de Pessoas Tomam as Ruas

Milhares tomaram as ruas nas cidades da Espanha na semana de 16 a 20 de maio de 2011, para protestar contra a corrupção, o desemprego e a estrutura política que favorece um sistema bi-partidário.

“Não somos mercadoria nas mãos de banqueiros e políticos,” era o lema de dezenas de milhares que protestavam por todo o país no dia 15 de maio, poucos dias antes das eleições regionais.

Não ficou por aí. Os protestos foram seguidos por uma demonstração pacífica no dia 16 de maio, quando centenas acamparam na praça principal de Madri, a “Puerta del Sol.” O movimento, coordenado principalmente pela organização de jovensDemocracia Real Ya [es], tem se mostrado extremamente ativo na Internet.

Demonstrations in Spain. Image by Juan Luis Sánchez.

Protestos na Espanha. Foto de Juan Luis Sánchez.

Ignacio Escolar, no Público [es], escreve:

Es una noticia preocupante la increíble distancia que se está creando entre los políticos y el resto de los ciudadanos. El 15-M no es el único síntoma de que esta democracia está enferma, de que no podrá sobrevivir si se mantiene la injusticia, la corrupción y la impunidad. Que los políticos aparezcan en las encuestas del CIS como uno de los principales problemas del país es otra evidencia más que los partidos no deberían ignorar si no quieren que la sociedad les pase por encima.

Trata-se de uma notícia preocupante a distância incrível que se está criando entre os políticos e o resto dos cidadãos. O 15-M[aio] não é o único sintoma que prova que esta democracia encontra-se enferma, de que não poderá sobreviver caso se mantiver a injustiça, a corrupção e a impunidade. O fato de que os políticos são tidos como um dos problemas principais do país de acordo com a CIS (Centro Espanhol para Pesquisa em Sociologia), é algo que os partidos não deveriam ignorar se não quiserem ser atropelados pela sociedade.

Periodismo Humano [es] relata:

Varios miles de personas no dejaban de comentar la sorpresa de ver tanta gente manifestándose para pedir trabajo especialmente, sí, pero también mecanismos de participación más democráticos y adaptados a las posibilidades que la tecnología ofrece hoy, relaciones internacionales justas y basadas en las personas, no en las multinacionales, justicia y la erradicación de la pobreza en el mundo… “Hartos de estar hartos”, “Los políticos mienten, los banqueros roban, los ricos ríen”, “Estamos cabreados y muy indignados”…

Milhares de cidadãos foram surpreendidos ao ver tantas pessoas protestando para exigir mais oferta de empregos, sim, mas também mecanismos de participação mais democráticos e ajustados às possibilidades oferecidas pela tecnologia atual, relações internacionais mais justas baseadas nas pessoas, e não nas grandes corporações, justiça e erradicação da pobreza no mundo… “Estamos cansados de esperar,” “Os políticos mentem, os banqueiros nos roubam, os ricos riem,” “Estamos furiosos e indignados” …

#15m, #15mani and #democraciarealya foram as hashtags do Twitter mais usadas em associação aos protestos de 15 de Maio, utilizadas para compartilhar milhares de links para fotos e videos dos protestos em 50 cidades, além de notícias sobre as próximas eleições e exigências dos cidadãos.

Mais tarde, quando os participantes do protesto acampavam na praça de Puerta del Sol, #acampadasol (acampando na praça do Sol) se converteu na tag mais visível, inundando o Twitter com milhares de mensagens e tornando-se um trending topic (os tópicos mais vistos).

Este foi uma das mensagens mais retuitadas no dia 16 de maio:

@Anon_Leakspin: Primero te ignoran. Luego se ríen de ti. Después te atacan. Entonces ganas» Gandhi #acampadasol #spanishrevolution @policia

@Anon_Leakspin: Primeiro eles te ignoram. Depois, eles riem de você. Aí eles te atacam. E então você ganha > Gandhi #acampadasol #spanishrevolution
Youth protest in Madrid, Spain. Image by Guillermo Martinez, copyright Demotix (15/05/11).

Protesto jovem em Madri, Espanha. Foto de Guillermo Martinez, copyright Demotix (15/05/11).

Alguns usuários têm chamado o movimento como a Revolução Espanhola, em referência à Primavera Árabe, enquanto inspiração para os jovens espanhóis.

@rujiki: Ya está aquí! es la Spanish Revolution http://t.co/g7cRCdx ¿en cuántos puntos coincidimos? hay que apoyar #15m #spanishrevolution #nolesvotes

@rujiki: Aqui está! É a Revolução Espanhola http://t.co/g7cRCdx Quais são nossos pontos de equivalência? Vamos dar apoio a #15m #spanishrevolution #nolesvotes

A imprensa tradicional, como ABC, tem proposto a mesma relação:

Como si se tratara de la plaza Tahrir, en Egipto, escenario de las protestas populares [es]. El caldo de cultivo del derrocamiento de Hosni Mubarak. Esto es distinto pero puede ser el embrión de algo. Quién sabe.

Como se estivéssemos na Praça Tahrir, no Egito, o cenário para os levantes propulares, e o caminho para a queda de Mubarak. É diferente, mas pode se tornar a semente de algo. Quem sabe.

Alguns usuários expressaram preocupação que o 15 Maio espanhol não possuísse nem uma estratégia e nem objetivos bem definidos.

@dequant: El problema de #15M y similares es que esto (desde mi punto de vista) si no encuentra pronto un objetivo claro y medible no llegará a nada.

@dequant: O problema com o #15M[aio] e movimentos semelhantes é que eles não chegam a lugar nenhum a menos que se encontre um objetivo claro e mensurável.

Para definir sua estratégia, objetivos e uma estrutura legal, os manifestantes contam com a ajuda de alguns dos advogados mais conhecidos na Espanha. David Bravo (@dbravo) e Javier de la Cueva (@jdelacueva) têm prestado orientação legal [es] sobre o direito de associação e reunião [es].

Mais manifestações pacíficas foram anunciadas para ocorrer em 15 de maio, em todos o país. O website Democracia Real Ya [es] não estava acessível no dia 17 de maio, aparentemente devido ao número de visitantes, mas os usuários estão organizando e partilhando os locais para as manifestações através do Facebook e do Youtube. O último encontro marcado: terça, 17 de Maio, às 8 da noite.

As mobilizações podem também ser acompanhadas ao vivo através de live streaming.

http://www.abc.es/20110516/espana/abci-acampada-democracia-real-201105162131.html

Inicie uma conversa

Colaboradores, favor realizar Entrar »

Por uma boa conversa...

  • Por favor, trate as outras pessoas com respeito. Trate como deseja ser tratado. Comentários que contenham mensagens de ódio, linguagem inadequada ou ataques pessoais não serão aprovados. Seja razoável.