Está vendo todos esses idiomas acima? Nós traduzimos os artigos do Global Voices para tornar a mídia cidadã acessível para várias partes do mundo.

Saiba mais sobre Tradução do projeto Língua  »

Belarus: Reações ao Atentado no Metrô

A explosão de uma bomba dentro da estação do metrô de Oktyabrskaya, em Minsk (capital de Belarus, antiga Bielo-Rússia), em 11 de abril de 2011, deixou até o momento 12 mortos e centenas de feridos.

Quase imediatamente após o ataque, as hashtags #minsk e #minskblast [#explosãoemminsk] juntavam condolências tuitadas para as famílias e amigos dos mortos e feridos no ataque.

A BBC citou [ru] algumas  testemunhas oculares, que disseram que “por volta de 17:58″, na segunda-feira 11 de abril de 2011, houve um “som alto” e Oktyabrskaya – a estação de metrô no centro de Minsk, onde as duas linhas de metrô da cidade se encontram – se encheu de fumaça.

Minsk subway exit after the explosion. Photo by TwitPic user @mixal_by

Saída do metrô em Minsk depois da explosão. Foro do usuário do Twitpic @mixal_by

Enquanto não se sabe se a explosão ocorreu dentro de um trem de metrô ou na plataforma, o serviço russo da BBC [ru] relatou que dois trens estavam na estação quando a explosão aconteceu. Eles também postaram um dos primeiros vídeos depois da explosão. O governo de Belarus qualificou o atentado de “ato terrorista “.

O correspondente em Minsk do jornal Gazeta.ru [ru] relatou que a polícia não estava permitindo aos jornalistas acessar a área ao redor do metro:

На месте ЧП милиция отбирает фотокамеры и сотовые телефоны у людей, которые пытаются снимать происходящее. «Милиция действует очень жестко.»

Na praça, a polícia de emergência está apreendendo máquinas fotográficas e telefones celulares de qualquer pessoa que tenta filmar o que está acontecendo. “A polícia está sendo muito dura”.

Mas numerosos vídeos ainda apareceram online. Esse vídeo enviado pelo usuário do YouTube em 11 de abril mostra o rescaldo do ataque (ATENÇÃO: cenas perturbadoras):

Este vídeo, enviado pelo usuário no mesmo dia, mostra a operação de resgate depois da explosão:

A agência de notícias russa Ria Novosti relatou [ru] na manhã de 12 de abril que 157 pessoas foram hospitalizadas, entre elas 26 estavam seriamente feridos.

O presidente de Belarus Alexander Lukashenko disse suspeitar [en] que o ataque talvez esteja ligado ao atentado a um concerto a céu aberto em 2008.

Alguns blogueiros concordam. Yuri Shevtsov disse [ru]:

Я понимаю, и все мы тут понимаем, что мы атакованы серьезной террористической сетью. И что это не внутренний терроризм. Это – внешняя атака.

Eu entendo, e todos nós entendemos que fomos atacados por uma célula terrorista séria. Não é terrorismo interno. Foi um ataque do estrangeiro.

Enquanto outros blogueiros, assumindo que o que ocorreu foi um ato terrorista, começaram a especular [ru]:

Если это терракт, если это не нелепая случайность с перевозкой взрывчатки, то это, имхо, – исламисты.
Наши “родные кавказские” исламисты. Не вижу других вариантов.

Se foi um atentado terrorista e não um acidente durante o transporte de um explosivo, então, em minha humilde opinião, foram islamitas. Nossos queridos “amigos do cáucaso” islamitas. Não vejo outra opção.

Outros debateram [ru] se o atentado teria sido organizado por Lukashenko para reprimir violentamente os partidos de oposição.

O blogueiro Shusharin [ru] postou:

КГБ взрывает Беларусь
Никаких других вариантов не видно. В белорусской оппозиции отродясь не было экстремистов.
Это выгодно только одному человеку – Лукашенко. Для того, чтобы начать террор против белорусского народа – уже не против оппозиции.

A KGB  [Agência de Segurança Estatal de Belarus – GV] está bombardeando Belarus.
Não há outra alternativa visível. Entre o movimento oposicionista de Belarus nunca houve extremistas. Isto só serve a uma pessoa – Lukashenko. Com o objetivo de impor o terror ao povo de Belarus – nem mesmo à oposição.

Enquanto posts e tuítes de condolências eram transmitidos através do Twitter, um post [ru] disse que em 12 de abril pessoas estavam se reunindo para acender velas para os mortos:

всем не безразличным! завтра в 19.00 возле театра Я.Купалы.цветы и свечи, в знак памяти. Передайте другим. Спасибо.

Para todos, não fiquem apáticos. Amanhã, às 19:00 junto ao teatro Y. Kupala. Flores e velas em memória. Diga aos outros. Obrigado.

Inicie uma conversa

Colaboradores, favor realizar Entrar »

Por uma boa conversa...

  • Por favor, trate as outras pessoas com respeito. Trate como deseja ser tratado. Comentários que contenham mensagens de ódio, linguagem inadequada ou ataques pessoais não serão aprovados. Seja razoável.