Está vendo todos esses idiomas acima? Nós traduzimos os artigos do Global Voices para tornar a mídia cidadã acessível para várias partes do mundo.

Saiba mais sobre Tradução do projeto Língua  »

Honduras: Forte Terremoto Sacode o País

Ponte derrubada pelo terremoto, por La Gringas Blogicito

Ponte derrubada pelo terremoto, por La Gringa's Blogicito

Honduras despertou cedo na manhã de 28 de maio quando um terremoto que mediu 7.1 na escala Richter [en] sacudiu o país. O epicentro se localizou 130 quilômetros a nordeste da cidade de La Ceiba, na Costa do Atlântico. Por volta das 2:24 a.m., hora local, o terremoto fez com que os moradores locais fugissem de suas casas na escuridão da noite para procurar segurança. Cinco mortes foram confirmadas, e muitas pessoas ficaram feridas, e lentamente se vai descobrindo os danos sofridos pela infraestrutura do país, como prédios, pontes e estradas.

Plataformas de microblogagem como o Blipea [es] e o Twitter [es] foram os primeiros a relatar o terremoto, com mensagens de usuários de San Pedro Sula, Tegucigalpa e La Ceiba. Muitas pessoas reportavam a situação através destas plataformas usando a hashtag #temblorHN (terremotoHN)

Yamil Gonzales, @yamilg no twitter, escreveu [es]:

hable con mi tia que vive en la ceiba dice que estuvo fuertísimo se asustaron bastante, los adornos y todo eso se cayeron al piso #temblorHN

“Falei com minha tia que vive em la ceiba (e) ela disse que foi fortíssimo (e que) se assustaram bastante, as decorações e todas as coisas caíram no chão #temblorHN”

Roberto, usuário @roberto do Blipea, escreveu [es]:

yo escuchaba que el armario se mecía casi salgo corriendo a la calle

“eu escutei o armário se mexia (e) quase saí correndo para a rua”

Jagbolanos, usuário @jagbolanos no Blipea, escreveu [es]:

Me desperto, estoy esperando por si hay replicas

“Acordei, estou esperando para o caso de se repetirem (os tremores)”

Alguns blogueiros hondurenhos não puderam atualizar seus blogues imediatamente por conta dos cortes no fornecimento de energia elétrica e de conexão à internet em suas comunidades. Contudo, Janpedrano Blog [es] foi um dos primeiros a prover informações sobre o terremoto, recebendo atualizações de seus amigos e familiares. Ele recebeu uma ligação telefônica de seu irmão:

Mientras estaba al teléfono con el, mi messenger parecía árbol de navidad con mensaje tras mensaje de familiares y amigos en San Pedro Sula dejándome saber que es lo que estaba pasando. Incluso una amiga que vive en Suiza me mando un mensaje para ver si yo ya sabia del mismo. La palabra que creo fue el común denominador en todos estos mensajes fue “horrible”, ya que pues fue una sacudida que pues la mayor parte de la gente jamás había experimentado. Mi mama vive en Roatán por lo que la llame para ver como estaba, y pues igual fuera del susto estaba bien.

“Enquanto estava no telefone com ele, meu messenger parecia uma árvore de natal com mensagem atrás de mensagem de familiares e amigos em San Pedro Sula, me dizendo o que estava acontecendo. Inclusive, (havia mensagens) de uma amiga que me mandou mensagens para saber se eu já sabia (do terremoto). A palavra que creio ter sido o denominador comum em todas as mensagens foi ‘horrível’, já que foi (um terremoto) que sacudiu o país de uma forma que a maioria das pessoas nunca havia experimentado. Minha mãe vive em Roatán e eu liguei para ela para saber como ela estava, mas apesar do susto ela estava bem.”

Ele também publicou atualizações durante todo o dia, incluindo a queda da Democracy Bridge, uma das pontes mais importantes do país [es].

La Gringa's Blogicito teve um atraso em relatar suas impressões [en] por conta da falta de eletricidade, mas depois relatou que este foi o primeiro terremoto que ela experienciou [en] desde que se mudou para Honduras.

Born in Honduras [en] e sua versão em espanhol, Nacer en Honduras [es], publicaram links dos jornais locais. Além disso, Interartix [es] partilha um mapa do epicentro do tremor e o alerta de tsunami [es] que foi dado, mas depois retirado.

Mapa do epicentro do tremor, publicado por Interartix.

Mapa do epicentro do tremor, publicado por Interartix.

Vários sites online dos jornais nacionais lutaram para conseguir permanecer no ar, pois estavam recebendo uma quantidade enorme de visitas, principalmente de pessoas dos EUA e da Espanha, que estavam procurando por informações sobre familiares e amigos.

Inicie uma conversa

Colaboradores, favor realizar Entrar »

Por uma boa conversa...

  • Por favor, trate as outras pessoas com respeito. Trate como deseja ser tratado. Comentários que contenham mensagens de ódio, linguagem inadequada ou ataques pessoais não serão aprovados. Seja razoável.