Está vendo todos esses idiomas acima? Nós traduzimos os artigos do Global Voices para tornar a mídia cidadã acessível para várias partes do mundo.

Saiba mais sobre Tradução do projeto Língua  »

R.D. do Congo: Chimpanzés não são Bichos de Estimação

A imprensa tradicional [En] está empolgada com notícias de um chimpanzé de 15 anos e 90kg que atacou uma mulher em Stamford, no estado de Connecticut, EUA. O primata, que já havia estrelado comerciais de televisão e filmes, atacou a mulher, uma amiga de sua dona, e a deixou em ‘um estado muito grave’.

Chimpanzé adulto

Chimpanzé adulto

Biólogos e primatologistas reagiram a estas notícias, como já era de se esperar, com severos avisos de que chimpanzés — e por extensão todos os animais selvagens — não devem ser tratados como animais de estimação. O blogue Lola ya Bonobo [En] no WildlifeDirect [En] publicou uma explicação sobre por que você não deve ter um chimpanzé como animal de estimação. Eles enumeram várias razões para isso, incluindo o fato de que chimpanzés são animais selvagens, ao contrário de cães e gatos, que foram domesticados por milhares de anos, permitindo que os seres humanos extirpassem os genes da agressividade extrema da carga genética dos mesmos.

De acordo com o blogue Lola ya Bonobo, esta agressividade não é aparente, por algum motivo, quando os primatas são jovens. Esta é a razão pela qual os traficantes de chimpanzés vendem estes primatas quando eles ainda são bem jovens. Mas quando eles crescem — tornando-se quase do tamanho de um humano adulto, mas com a força de 10 boxeadores peso pesado — seus donos se tornam incapazes de controlá-los.

É uma batalha manter chipanzés de uma forma segura e confortável até mesmo para zoológicos e santuários de vida animal. E proprietários domésticos obviamente não tem recursos para conseguir fazer nem a metade do que os zoológicos podem fazer. Isto leva a um aumento da agressividade do animal, e coloca em perigo vidas humanas.

Chimpanzés, assim como todos os primatas, por conta de sua proximidade genética para com os humanos, potencialmente carregam doenças que podem ser facilmente transmitidas para humanos, como a Herpes B, febre amarela, a febre primata, o Ebola, Marburg, SIV e Tuberculose. Isso apenas já deveria ser um bom motivo para desencorajar os humanos de terem chimpanzés como animais de estimação.

Mas há um motivo maior pelo qual não se deve manter animais selvagens como animais de estimação: o tráfico de animais é uma ameaça internacional que coloca em perigo de extinção muitas espécies. Conservacionistas estão tentando impedir este comércio ilegal em países em desenvolvimento, onde pessoas aprisionam animais ameaçados de extinção e os vendem como bichos de estimação dentro e fora do país. Mas este não é um problema apenas dos países em desenvolvimento. Lola ya Bonobo diz:

…politicians in these countries point to the lack of laws in the United States and ask why is it wrong and illegal for them to have a chimpanzee as a pet, and if chimpanzees are endangered animals that should be conserved and protected, [why should] anyone in the USA [be able] order one over the Internet with a credit card?

“…políticos destes países apontam que a falta de leis [sobre o tráfico de animais] nos Estados Unidos da América, e perguntam por quê é errado e ilegal para eles terem chimpanzés como animais de estimação, e se chimpanzés sao animais sob risco de extinção que devem ser protegidos e conservados, [por quê é que] qualquer um nos EUA [pode] comprar um pela internet, usando um cartão de crédito?”


Lola ya Bonobo
conclui dizendo:

We don’t buy and sell people any more. Since chimps and bonobos share 98.7% of our DNA, don’t they deserve the same respect?

“Nós não compramos e vendemos pessoas mais. Já que os chimpanzés e os bonobos partilham 98.7% de nosso DNA, eles não merecem o mesmo respeito?”

Inicie uma conversa

Colaboradores, favor realizar Entrar »

Por uma boa conversa...

  • Por favor, trate as outras pessoas com respeito. Trate como deseja ser tratado. Comentários que contenham mensagens de ódio, linguagem inadequada ou ataques pessoais não serão aprovados. Seja razoável.