Está vendo todos esses idiomas acima? Nós traduzimos os artigos do Global Voices para tornar a mídia cidadã acessível para várias partes do mundo.

Saiba mais sobre Tradução do projeto Língua  »

Bolívia: Lidando com a dengue de perto

As chuvas fortes no leste da Bolívia causaram a destruição de lavouras e casas particulares devido a grandes enchentes que trouxeram. Elas, entreanto, também ajudaram a criar o ambiente de reprodução para os mosquitos transmissores do vírus causador da dengue. Dentre os sintomas estão fortes dores de cabeça, nos músculos e nas juntas. Existe também uma forma mais grave de dengue que causa hemorragia e que já acarretou a morte de 3 pessoas no país [en].

Como Erika Pinto do Alkolica [es] destaca, a dengue já chegou à cidade de Santa Cruz, e ela espera que a doença não se espalhe até sua cidade natal, Trinidad.

O blogueiro Willy Andrés, de Santa Cruz, tem passado por experiências pessoais lidando com a dengue [es]:

Esta muy complicado esto del dengue por estos rumbos; no es de tenerlo en poco, especialmente viendo testimonios de personas que han quedado marcadas de por vida por no tratar a tiempo y como debe ser esa enfermedad. Y pensar que todo esto es por culpa de un insecto tan peqeño, al final de todo… ¡qué débiles somos!.

He tenido el tiempo en que pasé por esa enfermedad, no es nada agradable sinceramente, los dolores en las articulaciones, en los músculos… es como si te hubieran pegado.

Está muito complicado essa coisa de dengue pelas bandas de cá, não dá para subestimar o assunto, especialmente quando se vê os testemunhos de pessoas que tiveram a vida marcada porque ela não foi tratada a tempo, o que é muito importante quando se trata dessa enfermidade. E pensar que tudo isso é culpa de um inseto pequeno, no fim das contas… como somos fracos!

Houve um tempo em que passei por essa enfermidade, e, para dizer a verdade, as dores nas articulações e nos músculos não são nem um pouco agradáveis, sinceramente…  é como se tivessem nos dado uma surra.

Agora ele está cuidando da esposa, que recentemente foi enfectada com dengue. Além disso, ela está grávida de 3 meses, o que traz um nível de preocupação a mais. Eles visitaram várias clínicas em Santa Cruz, e só no segundo consultório receberam o devido atendimento médico. As coisas estão bem melhores agora e o bebê não foi afetado. Ele acrescenta:

gracias a Dios, Sara esta mucho mejor y con los medicamentos indicados. A cuidarse del dengue.

Graças a Deus, Sara está muito melhor e tomando os medicamentos corretos. Proteja-se contra a dengue.

Inicie uma conversa

Colaboradores, favor realizar Entrar »

Por uma boa conversa...

  • Por favor, trate as outras pessoas com respeito. Trate como deseja ser tratado. Comentários que contenham mensagens de ódio, linguagem inadequada ou ataques pessoais não serão aprovados. Seja razoável.