Está vendo todos esses idiomas acima? Nós traduzimos os artigos do Global Voices para tornar a mídia cidadã acessível para várias partes do mundo.

Saiba mais sobre Tradução do projeto Língua  »

Américas: Blogueiros Participam no Blog Action Day – Parte I

O dia 15 de outubro último foi marcado pelo evento anual do Blog Action Day [“Dia de Ação Blogueira”, em inglês]. Nesta data, blogueiros de todo o mundo atendem ao chamado de publicar um post a respeito de um tópico em particular. O tema escolhido para este ano foi a pobreza. Esta campanha espera [En] “mudar a conversação global neste dia, para gerar conscientização, começar uma discussão global e adicionar impulso a uma causa importante”.

Aqui está a primeira parte de uma coleção daquilo que foi dito por blogueiros latino-americanos durante a campanha:

Paraguai

Osval reflete sobre o por quê de seu pais ser consistentemente colocado [En] como um dos países mais pobres do mundo:

Paraguay is a country full of resources and opportunities, we have three hydroelectric power plants, including the world's biggest one Itaipú, we have plenty of land for agriculture, the best and most fertile soil, a lot of water everywhere, cement and steel factories, so…. why are we considered one of the poorest countries in Latin America? I really don't know.
(…)

We would like to see in the coming years and with the help of the new government, a change in all this. We just need good people, good administrators, people who really cares about the benefit of the whole country and not only their own pockets. Why we use gas stoves when we have three hydroelectric power plants!!

“O Paraguai é um país cheio de recursos e oportunidades. Nós temos três usinas hidrelétricas, incluindo a maior do mundo, Itaipú, e nós temos muitas terras para a agricultura, o melhor e mais fértil solo, muita água em todos os lugares, fábricas de cimento e aço, então… por que é que nós somos considerados um dos mais pobres da América Latina? Eu realmente não sei.
(…)
Nós gostaríamos de ver nos próximos anos, com a ajuda do novo governo, uma mudança em tudo isso. Nós só precisamos de gente boa, bons administradores, pessoas que realmente se importem com o benefício do país inteiro e não com seus próprios bolsos. Por que é que nós usamos fogões a gás quando temos três usinas hidrelétricas!?”

Colombia

Sandel provê links para outros blogueiros colombianos [Es] que estão participando do Blog Action Day, incluindo DianaCats. Ela escreve que há muitas pessoas que são muito apegadas a coisas materiais [Es] e que nós temos que olhar para as nossas coisas, em busca daquelas que não precisamos mais, e partilhá-las. Juliana Rincón, do Medea Material [Es] partilha um email de Andrea, um dos membros do Hiperbarrio [Es], um projeto de mídia cidadã de Medellín, que está uma vez mais organizando uma campanha de coleção de brinquedos para crianças da comunidade de Choco [Es].

México

Jorge Landa crê que o Blog Action Day não é para os legisladores, mas sim para a reflexão interior [Es]:

Hoy no pensé jamás en acabar con la pobreza del mundo, esperar ese cambio de la realidad resultaría ingenuo cuando menos, pero espero que continuemos cambiando la forma en que nos acercamos a esta realidad.

“Hoje eu não pensem nem por um segundo em acabar com a probreza do mundo, [pois] esperar por esta mudança na realidade seria no mínimo ingenuidade, mas espero que continuemos mudando a forma como nos aproximamos desta realidade.”

Peru

Para o Blog Action Day, Menos Canas [Es] crê que seja difícil falar sobre pobreza, não porque ela não exista, mas porque não se sabe por onde começar. El Útero de Marita [Es] sabe por onde começar e crê que não se pode falar sobre a pobreza sem ligá-la ao sempre presente problema da corrupção.


El Salvador

Samuel Bran reflete sobre a pobreza [Es] em seu país:

La pobreza el nuestro país El Salvador es una realidad que vemos día tras día, todos los días vemos cuadros tan difíciles, tan dolorosos y muchas veces como leí hace un tiempo en Andando a Pie no tengo reacciones a este a ellos, realmente cuando te pones a pensar detenidamente a meditar un poco, cuando de tu cabeza salen por un solo minuto la Disco, el vacil, el mascón e inviertes ese pequeño minuto en pensar que de aquellos que no tienen una casa, o del que esta buscando comida entre la basura… que hacemos por ellos son nuestros hermanos salvadoreños y aunque no podemos ir por la vida levantando a todos nuestros hermanos por lo menos ayudar a uno cada cierto tiempo nos ayudará a nosotros a mejorar algo de nuestro país.

“A pobreza em nosso país El Salvador é uma realidade que vemos dia após dia. Todos os dias vemos cenas tão difíceis, tão dolorosas e muitas vezes como lí há um tempo no [blogue] Andando a Pie [Andando a Pé] não tenho reação frente a elas. Quando você realmente começa a pensar detidamente e meditar, e tira por só minuto a sua cabeça das discotecas e brincadeiras, e dedica este pequeno minuto a pensar sobre aqueles que não tem casa, ou que estão procurando comida no lixo… o que podemos fazer por eles que são nossos irmãos salvadorenhos, e ainda que não possamos seguir pela vida ajudando a todos os nossos irmãos mas ao menos podemos ajudar um ou outro de vez em quando, e isso nos ajudará a melhorar algo em nosso país”

Honduras

Em países de grandes contrastes, Hugo Chinchilla relembra-se de visitar a pequena cidade de Marale e encontrar pessoas famintas e desesperadas [En]. Então, ele se pergunta quanto dinheiro os políticos gastam em luxos mesmo sabendo que seus compatriotas estão em tão terrível situação. Aaron Ortiz do Pensieve descobre qual a sua colocação [En] na Global Rich list [Lista dos Ricos Globais], e Laurie [En] comenta sobre a história de um pai lutando para comprar comida para bebê.

Agradecimentos especiais a Juliana Rincón por nos dar links para este artigo.

1 comentário

Junte-se à conversa

Colaboradores, favor realizar Entrar »

Por uma boa conversa...

  • Por favor, trate as outras pessoas com respeito. Trate como deseja ser tratado. Comentários que contenham mensagens de ódio, linguagem inadequada ou ataques pessoais não serão aprovados. Seja razoável.