Está vendo todos esses idiomas acima? Nós traduzimos os artigos do Global Voices para tornar a mídia cidadã acessível para várias partes do mundo.

Saiba mais sobre Tradução do projeto Língua  »

Brasil: Eu quero viver no Second Life

Wanderley Filho compara, ironicamente, as realizações de políticos brasileiros à vida no Second Life: um mundo paralelo. “O horário eleitoral gratuito na televisão é um bálsamo de reconforto para aqueles cidadãos que imaginavam que os governos escolhidos nas eleições passadas não haviam trabalhado nos últimos quatro anos. Com poucos minutos o engano se desfaz e com supresa descobrimos que tudo não passou de um mal entendido, e que as coisas estão acontecendo num ritmo alucinante. (…) com uma mãozinha da computação gráfica, é possível criar também uma administração paralela.”

1 comentário

Junte-se à conversa

Colaboradores, favor realizar Entrar »

Por uma boa conversa...

  • Por favor, trate as outras pessoas com respeito. Trate como deseja ser tratado. Comentários que contenham mensagens de ódio, linguagem inadequada ou ataques pessoais não serão aprovados. Seja razoável.