Está vendo todos esses idiomas acima? Nós traduzimos os artigos do Global Voices para tornar a mídia cidadã acessível para várias partes do mundo.

Saiba mais sobre Tradução do projeto Língua  »

Costa Rica: Concertos, choques e preocupações

Image composite of riots in San José, Costa Rica
Composição de imagens por Cristian Cambronero of Fusil de Chispas, a partir de vídeos cidadãos.

O jornalista Cristian Cambronero, do popular blogue costarriquenho Fusil de Chispas, publicou um relato de uma apresentação musical realizada no domingo que foi marcada por tumultos e pela depredação do campus da Universidad Latina na capital San José. Pelo que parece, quando aproximadamente 3000 pessoas foram impedidas de entrar no concerto gratuito onde já havia 5000 pessoas esperando pelas apresentações, adolescentes irados começaram a depredar os prédios da universidade, fachadas das lojas, destruíram carros, danificaram a igreja vizinha, saquearam e jogaram cadeiras, pedras e tijolos para todos os lados.

Cristian também aponta para vários vídeos de mídia cidadã carregados para o YouTube documentando o momento em que os distúrbios ocorreram. Estes vídeos foram capturados principalmente por câmeras de celular.

Este elocuente video muestra el ambiente en el interior del parqueo donde se realizaría el concierto. Se dice que habían 5000 personas. Basta ver las imágenes, el plato estaba servido para un desastre aún mayor. Este usuario captó el momento justo en que piedras, ladrillos y hasta sillas volaban contra las ventanas de la universidad. El zafarrancho era total en el sector de Lourde de Montes de Oca, como se aprecia aquí. En tropel, los asistentes abandonan el parqueo, muchos ya afectados por los gases lacrimógenos. En las próximas horas probablemente aparecerán más videos aquí.

“Este eloquente vídeo mostra o ambiente no interior do estacionamento onde o evento iria ser realizado. Foi dito que aproximadamente 5000 pessoas estavam lá dentro. Basta ver as imagens para saber que a mesa estava posta para um desastre ainda maior. Este usuário capturou o exato momento em que pedras, tijolos e até cadeiras começaram a voar contra as janelas da universidade. A confusão era total na região de Lourde de Montes de Oca, como se pode ver aqui. Em uma manada, os espectadores abandonaram o estacionamento, vários já afetados pelos gases lacrimogêneos. Nas próximas horas provavelmente aparecerão mais vídeos aqui.”

Nos threads de comentários, muitos estavam tentando responder sobre os motivos que levaram à violência. A principal pergunta na cabeça de todos era: por quê? Por quê toda esta raiva por não terem conseguido entrar em um concerto gratuito? A destruição é completamente fora de proporção em relação à ofensa alegada. Muitos culpam o fato de que esta geração recebeu tudo em uma bandeja de prata e não consegue receber um não como resposta. Outros apontam o fato de que estes adolescentes só tem a opção de assistir a concertos gratuitos e são excluídos de qualquer outro tipo de atividade cultural. Alguns acreditam que os participantes do conflito pertenciam a classes altas e mais abastadas, outros concluem que eles vieram das áreas economicamente deprimidas da cidade ou que eles poderiam até pertencer às torcidas organizadas de futebol, conhecidas como as violentas “barras”.

A seguir, dois vídeos mostrando janelas sendo quebradas na universidade, e nenhum policial a vista.

Este vídeo mostra jovens correndo para fora do estacionamento, cobrindo os rostos para se defenderem do gás lacrimogêneo atirado lá dentro.

Inicie uma conversa

Colaboradores, favor realizar Entrar »

Por uma boa conversa...

  • Por favor, trate as outras pessoas com respeito. Trate como deseja ser tratado. Comentários que contenham mensagens de ódio, linguagem inadequada ou ataques pessoais não serão aprovados. Seja razoável.