Está vendo todos esses idiomas acima? Nós traduzimos os artigos do Global Voices para tornar a mídia cidadã acessível para várias partes do mundo.

Saiba mais sobre Tradução do projeto Língua  »

Brasil: Blogagem social contra a pedofilia

Luz de Luma [pt] é uma dos blogueiros centrais da blogagem social contra a pedofilia, que acontece no próximo 14 de fevereiro. “Quando propus a blogagem e usei o termo que a ilustra, fui visitada sistematicamente pelos computadores da polícia federal. Sinal de que eles estão atentos a tudo que acontece no ciberespaço. Mas e nós, cumprimos a nossa tarefa em casa? Seus filhos usam computadores sozinhos? Cuidado”.

4 comentários

  • O abuso sexual de crianças era tratado como um assunto proibido em nossa sociedade. Mas, de alguns anos para cá esse tabu vem sendo quebrado, e a mulher tem desempenhado um papel muito importante nessa questao.

    Os dados sao alarmantes no mundo todo. As conseqüências biopsicossociais e todo o sofrimento durante o abuso sexual na crianca, pode sofrer danos a curto e também a longo prazo. A verdade é: Quem sofreu qualquer tipo de abuso sexual jamais esquece. O perigo nao está longe de casa. Pode ser o próprio pai, como um tio, o melhor amigo da família ou mesmo o vizinho.
    O abuso sexual é caracterizado como um ato de violência praticado. Se alguém faz uso de uma criança para sentir prazer sexual e se a criança não for capaz ou não tiver a idade para compreender o que está acontecendo com ela, às conseqüências desse ato brutal a levará a um sentimento de culpa, sua auto-estima será quebrada, sua sexualidade será rompida, terá dificuldades em manter relações duradouras com qualquer pessoa e a falta de confiança em si mesmo jamais será como antes, confiar nas pessoas será algo impossível para ela. A sua visao do mundo será visto por uma outra ótica. Às pessoas nao lhe serao especiais e nem importante em sua vida. Seu mundo foi arrazadoramente quebrado.

    A crianca que foi abusada, deverá se submeter ao longo de sua vida a uma terapia. É importante amparar a vitima, dando-lhe todo o apoio. Pessoas que já passaram pelo mesmo problema que ela, deve ajudar na recuperacao dessa crianca. Pois, somente quem já passou por tal trauma, estará melhor equipado para entendê-la, para transmitir-lhe segurança e amizade. Geralmente, ela não acredita que alguém possa ajudá-la, e denunciar o caso nunca lhe passa pela cabeca, pois o fator medo que se instala é alucinante.
    Por isso, a mae, que é fator principal no desenvolvimento da crianca deve observar o seu comportamento. Se houve modificacao, se a crianca que era tao extrovertida se ela agora se recolheu ao silêncio, se foge , quando se recebe qualquer tipo de visitas.
    E, em caso afirmativo, com muito carinho e paciência tentar levar a crianca a falar quem foi. A mae deve imediatamente procurar ajuda de médicos e psicólogos.
    Mae, nao se omita. Mae, nao feche seus olhos. Mae, nao finja que o abuso nao aconteceu. Mae, enfrente tudo de frente.
    Mae, nao denunciar só favorece àquele que fez esse ato tao brutal.
    Mae, nao deixe que o mesmo aconteca com outras criancas que você conhece.

    Georgia Aegerter

  • Ah, esqueci de dizer que cheguei até aqui através do blog da Luma e que este será o meu texto para a blogagem coletiva dia 14.02

    Abracos

  • Valquiria

    ME CHAMO VALQUIRIA E ESTOU CURSANDO PEDAGOGIA NA FACULDADE SUMARÉ,ESTOU FAZENDO UMA PESQUISA SOBRE PEDOFILIA NA AMERICA LATINA PARA AULA DE FILOSOFIA DO PROFESSOR DONIZETE SOARES. ESTOU CHOCADA COM TUDO QUE ESTOU ENCONTRANDO SOBRE ESSE ASSUNTO “PEDOFILIA” , AFINAL SOU MÃE E NÃO POSSO NEM IMAGINAR VIVENDO ESSE DRAMA. GOSTARIA SE FOSSE POSSIVEL, QUE ME MANDASSEM ESTATISTICAS REFERENTE A ESSE ASSUNTO, PORQUE ESTOU ENCONTRANDO SÓ REPORTAGEM, OBRIGADA PELA ATENÇÃO.

    VALQUIRIA.

  • Olá Valkíria,

    Para obter algumas estatísticas sobre denúncias de pedofilia no Brasil, vale dar uma olhada no site do Safernet: http://www.safernet.org.br/site/indicadores

    Para maiores dados, vale perguntar para a equipe Safernet também. Eles estão com a mão na massa do combate da pedofilia na rede.

    Abraços do Verde.

Junte-se à conversa

Colaboradores, favor realizar Entrar »

Por uma boa conversa...

  • Por favor, trate as outras pessoas com respeito. Trate como deseja ser tratado. Comentários que contenham mensagens de ódio, linguagem inadequada ou ataques pessoais não serão aprovados. Seja razoável.