Está vendo todos esses idiomas acima? Nós traduzimos os artigos do Global Voices para tornar a mídia cidadã acessível para várias partes do mundo.

Saiba mais sobre Tradução do projeto Língua  »

Quênia: Filmes sobre agitação e esperança

Palavras podem contar uma história, fotos nos apresentam imagens, e vídeos têm uma forma especial de combinar as duas coisas, tornando mais fácil que uma ligação emocional se forme com o que está acontecendo. Durante os violentos acontecimentos desencadeados pelo surpreendente resultado das eleições no Quênia, a imprensa foi calada e muitos tiveram que depender da internet para suprir suas necessidades de informação, outros tomaram a responsabilidade de criar os seus meios de comunicação, testemunhando esses acontecimentos com uma câmera na mão.

No Facebook, o usuário Duncan Musicha postou 8 curtas gravados com que parece ser uma câmera de celular no grupo “Peace on Kenya” [Paz no Quênia]. Nesses vídeos, pessoas podem ser vistas correndo da polícia, tiros podem ser ouvidos e corpos podem ainda ser vistos no chão.

No clipe a seguir, Refugiados em nosso próprio país do NTVKenya mostra os refugiados que chegaram na delegacia de polícia de Eldoret e no parque Jamuhuri em Nairobi: são na maioria mulheres e crianças fugindo da violência étnica alimentada pelos resultados da eleição, sem saber quando eles poderiam voltar para suas aldeias saqueadas e incendiados.

Aljazeera em inglês tem 12 minutos de notícia sobre a situação entre os candidatos opostos Mwai Kibaki from PNU e Raila Odinga from ODM, assim como sobre o acordo da reunião para discutir a situação, também prestando informações gerais sobre história política queniana.

Vídeos também dão às pessoas uma forma de denunciar casos de violência e outros incidentes.Em Ushahidi.com, a reportagem de um casa queimando em Kapsoya, perto Eldoret, é acompanhada de uma entrevista em vídeo, disponibilizada no youtube por afromusing, cujos relatos dos eventos pré e pós-eleitorais são bastante minuciosos e terrivelmente comoventes.

Daudi do MentalAcrobatics, divide conosco um curta onde Charity Ngilu pergunta a um funcionário responsável pela desmontagem de um comício político em Hurlingham por que eles não podem se encontrar. Nas palavras dele:

This clip shows Charity Ngilu asking the officer in charge why the rally is not allowed to continue. It is a bit shaky and ends mid sentence but at least it shows some sort of dialogue.

Este clipe mostra Charity Ngilu perguntando ao oficial no comando do comício por que não foi permitido continuar. Está um pouco tremido e termina no meio de uma frase, mas pelo menos mostra algum tipo de diálogo.

Voices of Africa [en] mostra o trabalho de vários jornalistas-cidadãos que também têm utilizado câmeras de celulares para gravar imagens e vídeos com entrevistas, fornecendo uma perspectiva mais ampla dos acontecimentos recentes. No site deles, você pode ver um líder do ODM solicitando uma atitude pacífica, fim dos saques e violência durante as marchas, equipes de mediação se formando e o lento regresso à normalidade, pelo menos em Nairobi, onde as pessoas regressaram às ruas e as lojas estão reabertas.

Eyes on Kenya picks three different videos to showcase women´s situation in conflict: First, the clip you´ll see here, of Dekha Ibrahim Abdi, 2007 Alternative Nobel Peace Prize winner escolhe três diferentes vídeos para mostrar a situação das mulheres no conflito: o primeiro clipe que você verá aqui, de Dekha Ibrahim Abdi, Vencedora do Prêmio Nobel da Paz Alternativo de 2007 e a história de como ela juntou diferentes tribos em um acordo de paz, em vez de lutar pelos poucos e preciosos recursos hídricos, em seguida, as duas parte de uma reportagem da Al-Jazeera, com pelo menos 255 casos de ataques a mulheres relatados durante a campanha eleitoreal sem que nenhum acusado tenha sido punido, o que mostra que no campo dos direitos das mulheres ainda há um longo caminho pela frente.

Para obter mais informações sobre o desenrolar dos eventos no Quênia, veja a página da cobertura especial do Global Voices que está coletando o máximo possível de dados e informações sobre a área, com links para blogueiros locais que estão falando sobre o assunto.

Imagem dey MentalAcrobatics usada sob licença do Creative Commons.

[Todos os links levam a sites em inglês]

 

O artigo acima é uma tradução de um artigo original publicado no Global Voices Online. Esta tradução foi feita por um dos voluntários da equipe de tradução do Global Voices em Português, com o objetivo de divulgar diferentes vozes, diferentes pontos de vista. Se você quiser ser um voluntário traduzindo textos para o GV em Português, clique aqui. Se quiser participar traduzindo textos para outras línguas, clique aqui.

Inicie uma conversa

Colaboradores, favor realizar Entrar »

Por uma boa conversa...

  • Por favor, trate as outras pessoas com respeito. Trate como deseja ser tratado. Comentários que contenham mensagens de ódio, linguagem inadequada ou ataques pessoais não serão aprovados. Seja razoável.