Está vendo todos esses idiomas acima? Nós traduzimos os artigos do Global Voices para tornar a mídia cidadã acessível para várias partes do mundo.

Saiba mais sobre Tradução do projeto Língua  »

Reino Unido, Caribe: As cores do carnaval de Notting Hill

notting hill carnival 2007 red costumes

Garotas fantasiadas descansam em uma rua lateral no desfile infantil do Carnaval de Notting Hill, domingo 27 de agosto de 2007. Foto de Cristiano Betta

Hoje é o feriado bancário de agosto no Reino Unido, o que quer dizer clima ensolarado, diversão a céu aberto — e Carnaval de Notting Hill [En] o maior carnaval no melhor estilo caribenho da Europa e um dos maiores festivais de verão do mundo (em 2006, quase um milhão de pessoas tomaram parte dele, seja como mascarados ou platéia).

Desde 1965, a área oeste de Londres da vizinhança de Notting Hill é palco desse evento, que tem como base tradições de vários carnavais caribenhos (especialmente as de Trinidad [En]), mas que também sofre influências de festivais e música das várias partes do mundo de onde o londrino traça suas heranças culturais. Mascarados dançam enquanto seguem a rota de três milhas do desfile no ritmo pulsante dos sistemas de som e bandas ao vivo, enquanto centenas de milhares assistem, se divertindo com o espetáculo e a comida dos vendedores de rua (parece que dá até para conseguir um coco geladinho). O carnaval agora continua por dois dias, com as bandas infantis desfilando no domingo que antecede o feriado bancário e o desfile dos adultos no dia do feriado.

Enquanto isso, centenas de fotógrafos, entre profissionais e amadores, capturam as cores e a energia dos foliões, e alguns deles disponibilizam as imagens na internet para que todos as apreciem. Veja aqui uma seleção de fotos do Carnaval de Notting Hill desse ano publicadas no Flickr.

notting hill carnival 2007 jouvert

Assim como em J’Ouvert, o evento que antecede o amanhecer que abre muitos carnavais no Caribe, esses foliões se cobrem de barro; Carnaval de Notting Hill, domingo, 26 de agosto de 2007. Foto de Robert P. Byrne (Veja mais fotos de Notting Hill tiradas por ele aqui).

notting hill carnival 2007 children in white

Meninada fantasiada — a menina à esquerda comanda com o apito no ritmo da música;domingo, 26 de agosto de 2007. Foto de virgorama (veja o álbum completo de Notting Hill aqui).

notting hill carnival 2007 ladbroke grove crowd

Vista do desfile em Ladbroke Grove; domingo, 26 de agosto de 2007. Foto de london emigre (veja o álbum completo de Notting Hill aqui).

notting hill carnival 2007 girl in yellow

Cantando no sol — ou na luz da fantasia dela? domingo, 26 de agosto de 2007. Foto de sallylondon (Veja o álbum completo de Notting Hill aqui).

notting hill carnival 2007 st kitts flag

A influência de Trinidad pode ser a mais forte no Carnaval de Notting Hill, mas o festival sempre foi celebrado por londrinos com raízes em vários outros territórios caribenhos. Essa mulher dança com a bandeira nacional de St. Kitts and Nevis; Domingo, 26 de agosto de 2007. Foto de virgorama. Foliões com bandeiras de outros países caribenhos: Guianense, fotografado por Tim Fearn; uma mulher de Trinidad, fotografada por Cristiano Betta; e um cidadão de Grenada, fotografado por P*E*T*A.

notting hill carnival 2007 dame lorraine

O Dame Lorraine [En] é um personagem burlesco tradicional do carnaval de Trinidad. Essa versão de Notting Hill parece confortável em meio a toda decoração. Segunda, 27 de agosto de 2007. Foto de Cristiano Betta (veja o álbum completo de Notting Hill aqui).

notting hill carnival 2007 steelband

Um presente para os olhos e ouvidos: uma bateria em fantasia agita o povão; Segunda, 27 de agosto de 2007. Foto de margaritanitz (veja o álbum completo de Notting Hill aqui).

notting hill carnival 2007 chinese dancer

O Carnaval de Notting Hill é há muito conhecido como um festival caribenho, mas hoje os londrinos de várias raízes culturais participam. Essas dançarinas estão fantasiadas com vestidos chineses, completos com abanador. Segunda, 27 de agosto de 2007. Foto de Cristiano Betta.

notting hill carnival 2007 powdered ladies

Esses foliões, essas perucas, essas penas? Veneziano, caribenho, astecas? Não, é apenas Notting Hill; Segunda, 27 de agosto de 2007. Foto de Cristiano Betta.

Para ver mais fotos destes e outros fotógrafos, veja a coleção no Flickr de fotos do Carnaval de Notting Hill 2007.

(texto original de Nicholas Laughlin)

 

O artigo acima é uma tradução de um artigo original publicado no Global Voices Online. Esta tradução foi feita por um dos voluntários da equipe de tradução do Global Voices em Português, com o objetivo de divulgar diferentes vozes, diferentes pontos de vista. Se você quiser ser um voluntário traduzindo textos para o GV em Português, clique aqui. Se quiser participar traduzindo textos para outras línguas, clique aqui.

2 comentários

  • Uma curiosidade – eu tava lendo as notícias no ônibus (sim, aquele vermelhinho de dois andares) e eis uma sobre o índice de criminalidade do Carnaval de Notting Hill: a polícia estima que houve mais de 1.5 milhão de participantes – e no total 3 incidentes, um a arma branca e dois a arma de fogo e aparentemente nenhum morto, só três feridos Isso tudo contabilizando os 2 dias de folia. E pensar que o povo aqui ainda reclama da violência – quem me dera o carnaval no Brasil fosse tranquilo dessa forma…

  • Pois é, Paulinha. Eu também gostaria muito que nosso carnaval, e mesmo o nosso dia a dia nas grandes cidades brasileiras fosse menos violento. Mas a questão é bem complexa, e as diferenças que nos separam do Reino Unido são grandes e igualmente complicadas de se entender.

    Em todo lugar onde há violência, há de se reclamar dela. Mas se temos tanta violência no Brasil, isto não se deve só à polícia (ou falta dela) ou à lei (ou a falta dela). Trata-se de uma questão complicada de caos social, conflito e injustiça.

    Mas eu me junto a você no desejo de que pudéssemos ter pouca, ou nenhuma, violência por aqui….

    Abraços do Verde.

Junte-se à conversa

Colaboradores, favor realizar Entrar »

Por uma boa conversa...

  • Por favor, trate as outras pessoas com respeito. Trate como deseja ser tratado. Comentários que contenham mensagens de ódio, linguagem inadequada ou ataques pessoais não serão aprovados. Seja razoável.