Está vendo todos esses idiomas acima? Nós traduzimos os artigos do Global Voices para tornar a mídia cidadã acessível para várias partes do mundo.

Saiba mais sobre Tradução do projeto Língua  »

Kuait: Blogueiro preso é libertado

Seguindo um protesto local e regional, o blogueiro do Kuaiti que havia sido preso, Bashar Al-Sayegh, foi liberado hoje cedo no Kuait. Enquanto alguns blogueiros celebraram sua soltura, outros alertaram de que poderia ser um sinal de maiores restrições que podem diminuir a liberdade de expressão no Kuait. Outro blogueiro expressa seu desprezo por homens de uniforme que infrigem a lei e posta vídeos de policiais agredindo fisicamente trabalhadores asiáticos no país rico em petróleo.

Al-Sayegh foi preso seguindo um comentário feito anonimamente, insultando o chefe de estado do Kuaiti Shaikh Sabah Al Ahmed Al Jaber Al Sabah[En] em um fórum online [Ar] que ele opera.

Jassim Al-Qames
, que é um colega de Al Sayegh e um fotógrafo do jornal Al Jarida, também foi detido juntamente com Al-Sayegh por tirar fotos de sua prisão. Ele foi liberado depois mas alega ter sido mal tratado pelos policiais que o prenderam.

Notícias da libertação de Al-Sayegh e a prisão da pessoa que originalmente fez o comentário se espalhou pelos blogues assim que o blogueiro foi posto em liberdade.

Kuwaiti blogger Bashar Al-Sayegh being carried by supporters after his release

O site de notícias online do Kuait Al Aan[Ar] publicou a foto acima, mostrando seus defensores carregando Al-Sayegh em seus ombros.

Escrevendo em seu fórum[Ar], Al-Sayegh promete continuar blogando:

لا أعلم من أين ابدأ ..
شكرا؟؟ دين في رقبتي؟لا أعلم .. موقفكم ..
لا توجد كلمة .. او مجموعة حروف ..
تعبر عن مشاعري تجاهكم ..

لن أنسى موقفكم .. فهذا دين في رقبتي ..
ولن استطيع رد الدين سوى بالاستمرار ..
استمرار موقع الأمة ومنتدى الأمة ..
والاستمرار في نهجنا الذي بدأناه معا ..

شكرا لجميع المدونات والمواقع الالكترونية ..
والصحف اليومية التي تبنت القضية ..
شكرا لجمعيات النفع العام ..

“Não sei por onde começar..
Obrigado?? Estou em dívida com vocês para sempre ? Não sei.. mas a postura de vocês..
Não há palavras .. ou grupo de letras..
Que possam expressar meus sentimentos em relação a todos vocês..

Nunca vou esquecer sua postura me apoiando..Estou em dívida com vocês para sempre..
E jamais conseguirei pagar essa dívida a não ser continuando..
Continuando o site e o fórum do Al Ommah ..
E continuando com os passos que demos juntos..

Obrigado a todos os sites e blogues online..
E os jornais diários que me apoiaram..
Obrigado a toda a sociedade cívil..”

O blogueiro do Kuaiti Jandeef não está impressionado[Ar] com a detenção e argumenta que a polícia do Kuwaiti nem sempre segue a lei e a constituição quando lida com as pessoas. Ele posta os dois vídeos seguintes que claramente mostram policiais de uniformes, agredindo fisicamente trabalhadores asiáticos no Kuait.

Veja os vídeos aqui e aqui

Blurted by The Aggressor sugere[En] que a prisão de Al Sayegh foi feita para se mandar uma mensagem para toda a comunidade blogueira do Kuait.

“(T)his may just as equally be a message from the Kuwaiti Interior Ministry to the Kuwaiti blogging community, informing us that the Ministry is keeping us in check, and is monitoring our comments and activities, both online and-quite possible-offline as well. If that’s the case, then shouldn’t they be able to differentiate between an administrator and an anonymous commenter? Seriously….c’mon, seriously!?”
“Isto pode muito bem ser uma mensagem do Ministério do Interior do Kuait para a comunidade blogueira, nos informando que o Ministério está de olho na gente, e está monitorando nossos comentários e atividades, tanto online quanto – é bem possível- offline. Se este é o caso, eles não deveriam então saber diferenciar um administrador de um anônimo fazendo um comentário? Sério….sério mesmo!?”


Kiwi Nomad
também compartilha de sentimentos similares e nota[En]:

“Hopefully the message is getting through that the State (In)Security Police need to toe the line and uphold the laws of the State… For Bashar and Jassem’s sakes I hope the publicity of their experiences produces reform. It is worth noting that this is only one of many unpublicised cases. Bravo guys for standing up and not being intimated.”

“Espero que a mensagem esteja esclarecendo que a Polícia de (In)Segurança do Estado precisa entrar na linha e assegurar as leis do Estado… Por Bashar e Jassem espero que a publicidade em cima de suas experiências produza uma reforma. Não vale nada o fato de este ser mais um dos muitos casos que não foram à público. Parabéns por lutarem e não se deixarem intimidar.”

The Ultimate, entretanto, toma uma outra direção e dedica um poema[En] a Al Sayegh.

“The Grim Reaper is waiting
Scythe in hand
While the country is celebrating
Bashar is free

Who’s next
To pay the debts!
When will it be my turn!
When will it be yours!

It’s all just a matter of time
And time has mercy on no one

Will this nightmare ever
Be over
I wonder”

“A Ceifadora está esperando Foice em mãos Enquanto o país celebra A liberdade de Bashar

Quem é o próximo A pagar as dívidas ! Quando será minha vez! Quando será a sua!

É apenas questão de tempo E o tempo não tem piedade de ninguém

Este pesadelo Acabará Imagino”

(Texto original Amira Al Hussaini)

 

O artigo acima é uma tradução de um artigo original publicado no Global Voices Online. Esta tradução foi feita por um dos voluntários da equipe de tradução do Global Voices em Português, com o objetivo de divulgar diferentes vozes, diferentes pontos de vista. Se você quiser ser um voluntário traduzindo textos para o GV em Português, clique aqui. Se quiser participar traduzindo textos para outras línguas, clique aqui.

2 comentários

Junte-se à conversa

Colaboradores, favor realizar Entrar »

Por uma boa conversa...

  • Por favor, trate as outras pessoas com respeito. Trate como deseja ser tratado. Comentários que contenham mensagens de ódio, linguagem inadequada ou ataques pessoais não serão aprovados. Seja razoável.