Está vendo todos esses idiomas acima? Nós traduzimos os artigos do Global Voices para tornar a mídia cidadã acessível para várias partes do mundo.

Saiba mais sobre Tradução do projeto Língua  »

Centenas de blogueiros apóiam estudantes presos no Irã

Um grupo de blogueiros iranianos deram início a um movimento para lembrar e conscientizar sobre vários estudantes universitários que foram presos em meses recentemente passados, incluindo três que ainda se encontram na prisão [En]. A idéia da campanha é rebatizar o maior número possível de blogues como “5 de Agosto” (14 de Mordad no calendário iraniano).

As famílias dos universitários detidos dizem que os estudantes – todos na faixa dos 20 e poucos anos – têm sido submetidos a pressões físicas e psicológicas que vão de abusos verbais a surra com cabos. Ao que tudo indica, as piores acusações são insultos ao Líder Supremo da República Islâmica e incitação da opinião pública.

5 de agosto de 2007

De acordo com o blogue 14mordad [En], essa data é:

The 101-st anniversary of the Iranian Constitutional Revolution. But Iranian people still struggle for democracy and student activists are still sent to jails.
In support and memory of our fellow activists, some of whom are bloggers as well, a group of Iranian bloggers will change their blog titles on August the 5th to “August 5th: The day of support for jailed Iranian students”. We invite you, even as a non-Iranian blogger, to participate in this cause. You can join by sending us e-mail to 14.mordad@gmail.com

O centésimo primeiro aniversário da Revolução Constitucional Iraniana [En]. Mas o povo iraniano ainda luta pela democracia e estudantes ativistas são mandados para as cadeias.
Em apóio e pela memória de nossos colegas ativistas, alguns dos quais são blogueiros também, um grupo de blogueiros iranianos mudarão o título de seus blogues no dia 5 de agosto para “August 5th: The day of support for jailed Iranian students” (5 de Agosto: o dia de apoio aos estudantes iranianos presos). Convidamos você, mesmo que seja um blogueiro de fora do Irã, a participar dessa causa. Você pode se juntar a nós enviando um e-mail para 14.mordad@gmail.com

O blogue diz que 397 blogueiros já anunciaram apoio a essa iniciativa e mais irão se juntar a eles nos próximos dias.

Hamid City, que apóia essa iniciativa também publicou fotos dos estudantes ativistas presos e alguns outros presos políticos. O blogueiro sugere [Fa] que cada um deveria encorajar amigos a participar.

Mir lembra [Fa] que depois de 101 anos da Revolução Constitucional, a prisão de Evin ainda está cheia com as bravas crianças do Irã.

Fardayekvatan diz [Fa] vamos escrever sobre justiça e democracia e estudantes enjaulados. Talvez cada um de nós venha a ser uma vela acesa no coração do deserto.

Ganji pede apoio

Akbar Ganji [En], jornalista e um ex-prisioneiro político pede às pessoas que apóiem os estudantes presos em uma carta aberta. Kamangir escreve [En]:

Akbar Ganji, the respectable political activist who spent over five years behind the bars, has written an open letter to Iranians asking for their help to release the imprisoned Iranian students from prisons. Remembering his days in solitary confinement and reminding everyone of the crimes the Islamic Republic has committed under the name of holiness, he writes “women rights’ groups and labor syndicates receive support from abroad because there are related organizations everywhere. Students, on the other hand, do not have a counterpart in the West and are more vulnerable.”

Akbar Ganji, o respeitado ativista político que passou cinco anos atrás das grades, escreveu uma carta aberta aos iranianos pedindo a ajuda deles para livrar os estudantes iranianos presos da cadeia. Relembrando de seus dias em confinamento solitário e lembrando a cada um dos crimes que a República Islâmica cometeu em nome da santidade, ele escreve “grupos de direitos das mulheres e sindicato de trabalhadores recebem apoio do exterior por que existem organizações similares em todos os lugares. Estudantes, por outro lado, não têm algo correspondente no ocidente e são mais vulneráveis.”

Blogueiros islamistas X TV iraniana

Existem outros blogueiros ocupados com outros assuntos. Muitos dos blogueiros islamistas têm recentemente criticado a TV nacional iraniana. Uma das razões principais é o fato de que, há cerca de duas semanas, o apresentador da TV, Farzad Hasani, encheu o chefe da polícia Sardar Radan de perguntas sobre a crueldade contra mulheres na última batida.

Abdeto diz [Fa], que apresentadores e seus convidados não respeitam o verdadeiro código de vestimenta islâmico embora estejam na mídia nacional aparecendo na frente de pessoas oriundas de diferentes classes sociais. É algo que se torna ainda pior. A forma com que eles se vestem pode influenciar milhões de pessoas e entrar na moda muito em breve. O blogueiro disse ainda que o apresentador tentou deixar o chefe de polícia nervoso.

Agahii escreve [Fa] consideramos a TV nacional um instrumento para a educação de nossos filhos com valores revolucionários através de filmes e seriados que os encorajem a ter uma vida confortável e se tornarem ricos, e eu tenho sérias dúvidas de que a TV funciona dessa maneira. Isso precisa mudar. O blogueiro acrescenta que ele está surpreso de ouvir tanta música ocidental na rádio iraniana.

(texto original de Hamid Tehrani)

 

O artigo acima é uma tradução de um artigo original publicado no Global Voices Online. Esta tradução foi feita por um dos voluntários da equipe de tradução do Global Voices em Português, com o objetivo de divulgar diferentes vozes, diferentes pontos de vista. Se você quiser ser um voluntário traduzindo textos para o GV em Português, clique aqui. Se quiser participar traduzindo textos para outras línguas, clique aqui.

 

Inicie uma conversa

Colaboradores, favor realizar Entrar »

Por uma boa conversa...

  • Por favor, trate as outras pessoas com respeito. Trate como deseja ser tratado. Comentários que contenham mensagens de ódio, linguagem inadequada ou ataques pessoais não serão aprovados. Seja razoável.